???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tedebc.ufma.br/jspui/handle/tede/tede/4075
Tipo do documento: Dissertação
Título: Correlações entre passes, finalizações, consumo de oxigênio máximo, fatores motivacionais e ansiedade em jogadores de uma equipe sub-19 no campeonato estadual de futsal do Maranhão em 2019
Título(s) alternativo(s): Correlations between, submissions, maximum right consumption, motivational factors and concern in players of an under-19 team in the state futsal championship of Maranhão in 2019
Autor: FERREIRA, Sérgio Costa 
Primeiro orientador: NAVARRO, Antonio Coppi
Primeiro membro da banca: NAVARRO, Antonio Coppi
Segundo membro da banca: AMORIM, Carlos Eduardo Neves
Terceiro membro da banca: NAVARRO, Francisco
Quarto membro da banca: SOUZA, Sérgio Augusto Rosa de
Quinto membro da banca: MONZANI, Janaína de Oliveira Brito
Resumo: RESUMO O objetivo foi correlacionar as habilidades técnicas do passe com as finalizações com o consumo de oxigênio máximo, com a motivação e com a ansiedade em jogadores de futsal categoria sub-19. Materiais e Métodos: A amostra foi composta por 12 jogadores de futsal sub-19; com média de idade, em anos, de 17,90 ±0,83, da massa corporal em kg de 69,89 ±12,73, da estatura em metros de 1,76 ±0,05, do percentual de gordura (%G) de 11,73 ±8,25; do percentual de massa magra de 60,98 ±7,68, com tempo de prática de mais de 3 anos, tempo de treinamento de 1 a 2 horas semanais e 91,66% com escolaridade no ensino médio; para as habilidades quantificou-se os passes, as finalizações, as transições de ataque-defesa e defesa-ataque, para estimar o consumo de oxigênio máximo, aplicou-se o Yo-Yo IR-1; e os questionários PMQ para Motivação e CSAI-2 para Ansiedade. Resultados: os dados apresentaram, média de 286,66 passes/jogo, média de 245,66 passes certos/jogo e média de 41 passes errados/jogo; a maioria do passes ocorreu no setor defensivo, assim como dos passes errados; e 9 finalizações geraram gols (8,10%); predominância de transições de defesa-ataque, nos 3 jogos de 274 ações, sendo 98 (1º jogo), 107 (2º jogo) e 69 (3º jogo) e 136 ações de ataque-defesa ao todo; o valor médio do VO2 máximo foi 47 ±4,12 ml/kg/min; a Motivação relacionou-se ao fatores competitivos como Competição, Competência Técnica; Ansiedade Cognitiva foi Baixa, Ansiedade Somática Média e a Autoconfiança Alta; pela estatística analítica houve diferenças (p=0,0036) no 1º jogo, (p=0,0052) 2º jogo, (p=0,0007) no 3º jogo e correlação forte e positiva entre passe certo e finalização errada nos jogos; Entre passe certo e passe errado houve diferenças, nos jogos e correlacionou-se forte e positivamente com o VO2 máximo; Entre passe certo e ansiedade somática, houve correlação forte e positiva, e diferenças (p=0,0229) apenas no 2º jogo; Entre passe errado e a Ansiedade Cognitiva houve diferenças (p=0,0531) e a correlação mostrou-se moderada e negativa no 2º jogo; Entre finalização errada e VO2 máximo houve correlação moderada e positiva no 1º jogo. No 3º jogo, houve diferenças (p=0,0197) e correlação forte e positiva; Entre finalização certa e VO2 máximo, houve diferenças (p=0,0713) no 1º jogo e a correlação foi positiva e moderada; Entre finalização certa e Autoconfiança, houve significância e correlação negativa forte no 1º jogo; No 2º jogo, houve significância (p=0,0433) e correlação positiva moderada; Entre a finalização errada e Ansiedade Cognitiva houve significância (p=0,0570) e correlação negativa e moderada no 2º jogo; Nesse mesmo jogo, houve significância (p=0,0181) e correlação positiva e forte entre finalização errada e Ansiedade Somática; Não houve correlação e diferenças entre passe certo e fatores motivacionais; O passe errado e a motivação não apresentaram diferenças e nem correlação nos jogos. Conclusão: Então, houve correlação entre passe certo e finalização errada, e correlação entre o passe e a Ansiedade/Autoconfiança, e o passe/finalização correlacionaram-se com o VO2. Mas o passe e finalização não apresentaram correlação com a motivação. Dessa forma, e devido aos dados, embora exista correlações entre as variáveis, estas ainda não são suficientes, de forma cabal, para a afirmação de correlação entre todas as variáveis. Palavras-chave:
Abstract: ABSTRACT The aim was to correlate the technical skills of the pass and the finishes with maximum oxygen consumption, motivation and anxiety in under-19 futsal players. Materials and Methods: The sample consisted of 12 under-19 futsal players; with mean age, in years, of 17.90 ±0.83, of body mass in kg of 69.89 ±12.73, of height in meters of 1.76 ±0.05, of the percentage of fat (%G) 11.73 ±8.25; the percentage of lean mass of 60.98 ±7.68, with practice time of more than 3 years, training time of 1 to 2 hours per week and 91.66% with high school education; for skills, passes, finishes, attack-defense and defense-attack transitions were quantified, to estimate maximum oxygen consumption, Yo-Yo IR-1 was applied; and the PMQ Motivation questionnaires and CSAI-2 for Anxiety. Results: the data showed an average of 286.66 passes / game, an average of 245.66 right passes / game and an average of 41 wrong passes / game; the majority of passes occurred in the defensive sector, as well as the wrong passes; and 9 submissions generated goals (8.10%); predominance of defense-attack transitions, in the 3 games of 274 actions, 98 (1st game), 107 (2nd game) and 69 (3rd game) and 136 attackdefense actions in all; the mean value of the maximum VO2 was 47 ± 4.12 ml / kg / min; Motivation was related to competitive factors such as Competition, Technical Competence; Cognitive Anxiety was Low, Average Somatic Anxiety and High SelfConfidence; in terms of analytical statistics, there were differences (p=0.0036) in the first game, (p=0.0052) in the second game, (p=0.0007) in the third game and a strong and positive correlation between right pass and wrong finish in games; Between right and wrong pass there were differences in the games and it correlated strongly and positively with the maximum VO2; Between right pass and somatic anxiety, there was a strong and positive correlation, and differences (p=0.0229) only in the 2nd game; Between wrong pass and Cognitive Anxiety there were differences (p=0.0531) and the correlation was moderate and negative in the 2nd game; Between wrong finishing and maximum VO2 there was a moderate and positive correlation in the 1st game. In the 3rd game, there were differences (p=0.0197) and a strong and positive correlation; Between correct completion and maximum VO2, there were differences (p=0.0713) in the 1st game and the correlation was positive and moderate; Between sure finishing and Selfconfidence, there was significance and a strong negative correlation in the 1st game; In the 2nd game, there was significance (p=0.0433) and moderate positive correlation. Between the wrong ending and Cognitive Anxiety there was significance (p=0.0570) and a negative and moderate correlation in the 2nd game; In that same game, there was significance (p=0.0181) and a positive and strong correlation between wrong completion and Somatic Anxiety; There was no correlation and differences between the right pass and motivational factors; The wrong pass and motivation showed no differences or correlation in the games. Conclusion: Then, there was a correlation between right pass and wrong finish, and correlation between pass and Anxiety / Self-confidence, and the pass / finalization correlated with VO2. Moreover the pass and finish did not correlate with motivation. Thus, and due to the data, although there are correlations between the variables, they are not yet sufficient, in a complete way, to affirm the correlation
Palavras-chave: futsal;
passe;
finalização;
consumo de oxigênio máximo;
motivação;
ansiedade
futsal;
pass;
finalization;
maximum oxygen consumption;
motivation;
anxiety
Área(s) do CNPq: Educação Física
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal do Maranhão
Sigla da instituição: UFMA
Departamento: DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO FÍSICA/CCBS
Programa: PROGRAMA DE PÓS-GRADUACAO EM EDUCAÇÃO FÍSICA
Citação: FERREIRA, Sérgio Costa. Correlações entre passes, finalizações, consumo de oxigênio máximo, fatores motivacionais e ansiedade em jogadores de uma equipe sub-19 no campeonato estadual de futsal do Maranhão em 2019. 2020. 118 f. Dissertação (Programa de Pós-Graduacão em Educação Física) - Universidade Federal do Maranhão, São Luís, 2020.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tedebc.ufma.br/jspui/handle/tede/tede/4075
Data de defesa: 17-Nov-2020
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO DE MESTRADO - PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO FÍSICA

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
SergioFerreira.pdfDissertação de Mestrado801,54 kBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.