???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tedebc.ufma.br/jspui/handle/tede/tede/3046
Tipo do documento: Dissertação
Título: Efeitos fisiológicos do treinamento físico de Krav Maga nas variáveis: hemodinâmica, metabólica, hidratação, neuromuscular, hormonal e sono
Título(s) alternativo(s): Physiological effects of Krav Maga physical training on the variables: hemodynamic, metabolic, hydration, neuromuscular, hormonal and sleep
Autor: ANDRADE NETO, João Batista de 
Primeiro orientador: SALGADO FILHO, Natalino
Primeiro coorientador: NAVARRO, Francisco
Primeiro membro da banca: SALGADO FILHO, Natalino
Segundo membro da banca: NAVARRO, Francisco
Terceiro membro da banca: MOSTARDA, Cristiano Teixeira
Quarto membro da banca: NAVARRO, Antonio Coppi
Quinto membro da banca: ZAMAI, Carlos Aparecido
Resumo: Introdução: O Krav Maga é uma modalidade de luta desenvolvida em Israel na década de 40. Como Treinamento Físico é considerado uma modalidade acíclica alternando exercícios aeróbios e anaeróbios, estimulando e provocando estresse agudos e alterações crônicas aos sistemas fisiológicos. Objetivo: Analisar os efeitos do Treinamento Físico de Krav Maga nas variáveis: hemodinâmica, metabólica, hidratação, neuromuscular, hormonal e sono pré, durante e após 16 semanas de treinamento. Materiais e Métodos: Participaram da pesquisa intencional, 30 (trinta) homens, distribuídos em dois grupos: GI=15, iniciantes/controle e GV=15 veteranos, com idade entre 30,73 ± 11,84, todos de Teresina-PI. O protocolo de Krav Maga foi aplicado em 16 semanas, com 3 seções semanais, variando progressivamente de 60 a 90 minutos, com técnicas pedagógicas básicas, ajustadas a cada 08 semanas. Foram aplicados cinco questionários: Aderência; Socioeconômico; Motivação - (PMQ); Ansiedade pré-competitiva - CSAI-2; e as Avaliações Antropométricas: Cálculo do Índice de Massa Corporal – IMC; Relação Cintura-Quadril (RCQ); Gordura Corporal com 7 dobras; Pressão Arterial (PAS; PAD); Frequência Cardíaca (FC) e Duplo Produto (DP); Consumo Máximo de Oxigênio – VO2 máx; Flexibilidade Lombar e Articular; Força Muscular: Preensão Manual Isométrica de membros superiores e Força Total Livre; Hidratação urina com refratômetro; Resistência Muscular (teste de abdominal e flexão de braços no solo); Metabólica (sangue) para Perfil Lipídico (colesterol total, colesterol HDL, LDL, VLDL, triglicerídeos) e Glicose; Glicemia pré e pós treino, Cortisol, Lactado e Qualidade do Sono de Pittsburgh (PSQI). Resultados e Discussão: Ao término da aplicação do Treinamento Físico de Krav Maga, e a análise dos dados foi verificado que o protocolo provocou alterações nos valores mínimos, máximos, médios e desvio padrão dos seguintes marcadores: Peso (Kg) do GI=3,2 e GV=1,6 Kg; IMC (Kg/m2) do GI= 1,0 e GV=1,0; RCQ (cm) do GI=0,1 e GV=1,0; Densidade (g/ml) GI=0,1 e GV=1,0; Gordura Corporal % do GI=1,6 e GV=3,7; Massa Magra (Kg) GI=1,0 e GV=2,5; Massa Gorda (Kg) do GI=4,4 e GV=2,3; Pressão Arterial – PAS (mmHg) GI=6,8 e GV=7,8, PAD (mmHg) GI=0,6 e GV=3,6; FC (bpm) GI=4,0 e GV=2,6; PAM (mmHg) GI=10,1 e GV=6,5; VO2max GI=1,0 e GV=1,1; Colesterol Total (mg/dL) GI=3,1 e GV=12,6; Triglicerídeos (mg/dL)1,04 e GV=32,6 Glicose Jejum GI=18,5 e GV=4,2; HDL (mg/dL) GI=0,6 e GV=1,3, LDL GI=4,3 e GV=10,4, VLDL GI=2,2 e GV=2,1; Glicose pré e pós (mg/dL) GI=20,5 e GV=6,4; Hidratação GI=0,3 e GV=0,2; Força de Preensão Palmar (Kg/f) GI=3,0 e GV=2,7 ambas as mãos; Força Total Livre: Back Squat (kgf) GI=12,1 e GV=16,4; Deadlifit GI=9,4 e GV=11,8; Shoulder Press GI=5,0 e GV=8,0; Flexibilidade (cm) GI=6,3 e GV=5,6; Lactato (mmol/L) GI=3,0 e GV=1,0, Cortisol GI=0,6 e GV=1,0; Sono 100% de melhora. Conclusão: Verificou-se que o protocolo de treinamento aplicado provocou alterações fisiológicas em todas as variáveis pesquisadas: reduziu os níveis de ansiedade; percentual de gordura e IMC; as medidas de RCQ; modificou os aspectos da composição corporal; provocou elevações da PAM e DP, desencadeando elevações de FC, PAS e DP; melhorou a aptidão cardiorrespiratória do VO2 máx; aumentou a flexibilidade; provocou aumento da força de membros superiores; força total livre; melhorou a prática de hidratação; elevou a resistência muscular; diminuiu as taxas de colesterol total e triglicerídeos; melhorou o perfil lipoprotéico, induziu o aumento da secreção de cortisol; estimulou a remoção do lactato e melhorou qualidade do sono.
Abstract: Introduction: Krav Maga is a fighting modality developed in Israel in the 1940s. As Physical Training it is considered an acyclic modality alternating aerobic and anaerobic exercises, stimulating and causing acute stress and chronic changes to the physiological systems. Materials and Methods: Thirty (30) men participated in the intentional research, divided into two groups: GI = 15, beginners / control and GV = 15 veterans, aged between 30.73 ± 11.84, all from Teresina-PI. The Krav Maga protocol was applied in 16 weeks, with 3 weekly sections, progressively varying from 60 to 90 minutes, with basic teaching techniques, adjusted every 8 weeks. Five questionnaires were applied: Adherence; Socioeconomic; Motivation - (PMQ); Pre-competitive anxiety - CSAI-2; and Anthropometric Assessments: Calculation of Body Mass Index - BMI; Waist-Hip Relationship (WHR); Body Fat with 7 folds; Blood Pressure (PAS; PAD); Heart Rate (HR) and Double Product (DP); Maximum Oxygen Consumption - VO2 max; Lumbar and Joint Flexibility; Muscular Strength: Isometric Handgrip of upper limbs and Total Free Force; Urine hydration with refractometer; Muscular endurance (abdominal test and flexion of arms on the ground); Metabolic (blood) for Lipid Profile (total cholesterol, HDL cholesterol, LDL, VLDL, triglycerides) and Glucose; Pre- and post-training blood glucose, Cortisol, Lactated and Pittsburgh Sleep Quality (PSQI). Results an Discussion: At the end of the application of Krav Maga Physical Training, and data analysis, it was verified that the protocol caused changes in the minimum, maximum, average and standard deviation values of the following markers: Weight (Kg) of GI = 3.2 and GV = 1.6 kg; BMI (Kg / m2) of GI = 1.0 and GV = 1.0; WHR (cm) of GI = 0.1 and GV = 1.0; Density (g / ml) GI = 0.1 and GV = 1.0; Body Fat% of GI = 1.6 and GV = 3.7; Lean Mass (Kg) GI = 1.0 and GV = 2.5; Fat Mass (Kg) of GI = 4.4 and GV = 2.3; Blood Pressure - SBP (mmHg) GI = 6.8 and GV = 7.8, DBP (mmHg) GI = 0.6 and GV = 3.6; HR (bpm) GI = 4.0 and GV = 2.6; MAP (mmHg) GI = 10.1 and GV = 6.5; VO2max GI = 1.0 and GV = 1.1; Total Cholesterol (mg / dL) GI = 3.1 and GV = 12.6; Triglycerides (mg / dL) 1.04 and GV = 32.6 Glucose Fast GI = 18.5 and GV = 4.2; HDL (mg / dL) GI = 0.6 and GV = 1.3, LDL GI = 4.3 and GV = 10.4, VLDL GI = 2.2 and GV = 2.1; Glucose pre and post (mg / dL) GI = 20.5 and GV = 6.4; Hydration GI = 0.3 and GV = 0.2; Palmar Grip Force (Kg / f) GI = 3.0 and GV = 2.7 both hands; Total Free Force: Back Squat (kgf) GI = 12.1 and GV = 16.4; Deadlifit GI = 9.4 and GV = 11.8; Shoulder Press GI = 5.0 and GV = 8.0; Flexibility (cm) GI = 6.3 and GV = 5.6; Lactate (mmol / L) GI = 3.0 and GV = 1.0, Cortisol GI = 0.6 and GV = 1.0; Sleep 100% improvement. Conclusion: It was found that the training protocol applied caused physiological changes in all variables studied: reduced levels of anxiety; percentage of fat and BMI; the WHR measures; modified aspects of body composition; it caused elevations in MAP and PD, triggering elevations in HR, PAS and DP; improved VO2 max cardiorespiratory fitness; increased flexibility; it caused an increase in the strength of the upper limbs; total free force; improved hydration practice; increased muscle endurance; decreased the rates of total cholesterol and triglycerides; improved the lipoprotein profile, induced an increase in cortisol secretion; stimulated lactate removal and improved sleep quality.
Palavras-chave: Krav Maga
Lutas
Artes marciais
Treinamento físico
Alterações endócrinas
Krav Maga
Fights
Martial arts
Physical training
Endocrine changes
Área(s) do CNPq: Medicina
Educação Física
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal do Maranhão
Sigla da instituição: UFMA
Departamento: DEPARTAMENTO DE MEDICINA I/CCBS
Programa: PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM SAÚDE DO ADULTO E DA CRIANÇA/CCBS
Citação: ANDRADE NETO, João Batista de. Efeitos fisiológicos do treinamento físico de Krav Maga nas variáveis: hemodinâmica, metabólica, hidratação, neuromuscular, hormonal e sono. 2019. 106 f. Dissertação (Programa de Pós-Graduação em Saúde do Adulto e da Criança/CCBS) - Universidade Federal do Maranhão, São Luís, 2019.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tedebc.ufma.br/jspui/handle/tede/tede/3046
Data de defesa: 17-Dec-2019
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO DE MESTRADO - PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM SAÚDE DO ADULTO

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
JoãoBatistadeAndradeNeto.pdfDissertação de Mestrado4,05 MBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.