???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tedebc.ufma.br/jspui/handle/tede/tede/2707
Tipo do documento: Dissertação
Título: EFEITO DO GEL DE ASCORBIL FOSFATO 3% NA RESISTÊNCIA DE UNIÃO DA RESINA COMPOSTA AO ESMALTE CLAREADO COM PERÓXIDO DE HIDROGÊNIO 35%.
Título(s) alternativo(s): EFFECT OF THE ASCORBIL PHOSPHATE 3% GEL ON THE UNION RESISTANCE OF THE COMPOSITE RESIN TO THE ENAMEL BLEACHING WITH HYDROGEN PEROXIDE 35%.
Autor: CASTRO, Milena de Fátima Schalcher de 
Primeiro orientador: PEREIRA, Adriana de Fátima Vasconcelos
Primeiro coorientador: LIMA, Darlon Martins
Primeiro membro da banca: PEREIRA, Adriana de Fátima Vasconcelos
Segundo membro da banca: BANDÉCA, Matheus Coelho
Terceiro membro da banca: SILVA, Ana Paula Brito
Resumo: O objetivo deste estudo foi avaliar in vitro o efeito da aplicação, em diferentes tempos, do gel antioxidante ascorbil fosfato (AF) a 3% sobre a resistência de união ao microcisalhamento da resina composta (RC) ao esmalte bovino tratado com peróxido de hidrogênio a 35% (PH). A partir de 30 incisivos bovinos, foram confeccionados trinta blocos de esmalte de 70mm2 e distribuídos em 5 grupos (n=6), sobre os quais foram feitos 3 corpos de prova (n= 18), de acordo com tratamento: G1: Sem clareamento + RC; G2: PH + RC após 15d; G3: PH + RC após 24h; G4: PH + AF 15m + RC após 24h; G5: PH + AF 2h + RC após 24h. OS cilindros de resina foram confeccionados com Filtek™ Z-350, através de matrizes de Tygon, com fotoativação de 40s. Os espécimes foram armazenados com algodões embebidos em água destilada a 37°C por 24h. O teste de microcisalhamento foi feito em máquina de ensaio universal com célula de carga de 50N e velocidade 0,5mm/min. Os tipos de fraturas foram observados em um estereomicroscópio com aumento de 40x. Os valores de resistência adesiva ao microcisalhamento foram submetidos aos testes ANOVA um critério e Tukey (p<0,05). G1 apresentou as maiores médias de resistência adesiva (15,52±10,01MPa), quando comparadas às dos grupos G3 (5,76± 8,02MPa) e G5 (4,78±4,39MPa) (p<0,01). Entretanto, os grupos G2, G3, G4 e G5 não apresentaram diferenças significativas entre si (p>0,05). As fraturas encontradas foram classificadas como adesivas e mistas, sendo a maioria adesiva (90%) em todos os grupos. Conclui-se que o gel de ascorbil a 3%, aplicado no tempo de 15min, foi capaz de melhorar a resistência adesiva da resina composta ao esmalte bovino clareado.
Abstract: The aim of this in vitro study was to evaluate the effect in different times of 3% phosphate ascorbyl gel (PA), onto the microshear bond strength of composite resin (CR) to bovine enamel treated with 35% hydrogen peroxide (HP). Thirty bovine incisors were selected. Thirty enamel blocks of 70mm2 were made and distributed into 5 groups (n = 6), which were made on three specimens (n = 18), according to treatment: G1: No bleaching + CR; G2: HP + CR after 15d; G3: HP + CR after 24h; G4: HP + PA 15m + CR after 24h; G5: HP + PA 2h + CR after 24h. The resin cylinders were filled with Filtek ™ Z-350 by Tygon matrices, with photoactivation of 40s. The specimens were stored with cotton soaked in distilled water at 37 ° C for 24h. Microshear bond strength test was performed using universal testing machine with a 50N load at a speed of 0.5 mm / min. Fracture modes were assessed by a stereomicroscope 40x. Microshear bond strength values were submitted to the ANOVA one way and Tukey test (p <0.05). G1 had the highest mean bond strength (15.52 ± 10.01 MPa) when compared to the G3 (5.76 ± 8.02 MPa) and G5 (4.78 ± 4.39 MPa) (p <0.01). However the other groups, G2, G3, G4 and G5 showed no significant differences between groups (p> 0.05). Failure modes were divided into adhesive and mixed, showing mainly adhesive failure (90%) in all groups. It was concluded that 3% phosphate ascorbyl gel applied in time of 15 minutes was able to improve the bond strength of composite resin to bleached bovine enamel.
Palavras-chave: Antioxidantes; Clareamento dental; Peróxido de hidrogênio; Resinas compostas; Resistência ao cisalhamento
Antioxidants; Tooth bleaching; Hydrogen peroxide; Composite resins; Shear strength
Área(s) do CNPq: Clínica Odontológica.
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal do Maranhão
Sigla da instituição: UFMA
Departamento: DEPARTAMENTO DE ODONTOLOGIA II/CCBS
Programa: PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ODONTOLOGIA/CCBS
Citação: CASTRO, Milena de Fátima Schalcher de. Efeito do gel de ascorbil fosfato 3% na resistência de união da resina composta ao esmalte clareado com peróxido de hidrogênio 35%.. 2012. 53 folhas. Dissertação( Programa de Pós-Graduação em Odontologia/CCBS) - Universidade Federal do Maranhão,São Luís.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tedebc.ufma.br/jspui/handle/tede/tede/2707
Data de defesa: 29-Aug-2012
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO DE MESTRADO - PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ODONTOLOGIA

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Milena de Fátima Schalcher.pdfDissertação de Mestrado.910,17 kBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.