???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tedebc.ufma.br/jspui/handle/tede/tede/2585
Tipo do documento: Dissertação
Título: Análise da ação analgésica da Borreria Verticillata (L.) G. Mey. em modelo experimental de osteoartrite em rato
Título(s) alternativo(s): Analysis of the analgesic action of escareria verticillata (L.) G. Mey. in an experimental model of osteoarthritis in rats
Autor: RODRIGUES, Marineide Sodré 
Primeiro orientador: CARTÁGENES, Maria do Socorro de Sousa
Primeiro coorientador: GARCIA, João Batista Santos
Primeiro membro da banca: CARTÁGENES, Maria do Socorro de Sousa
Segundo membro da banca: GARCIA, João Batista Santos
Terceiro membro da banca: RODRIGUES, Thiago Alves
Quarto membro da banca: CABRAL, Flávia Castello Branco Vidal
Quinto membro da banca: ANDRADE, Marcelo Souza de
Resumo: A osteoartrite (OA) é a forma mais comum de doença articular alterando a qualidade de vida, sendo a causa mais frequente de dor musculoesquelética para as atividades de vida diária e laborativas no Brasil e no mundo, se tornando um problema de saúde com implicações socioeconômicas. A OA não possui cura e tem apresentado um impacto direto na economia em decorrência dos elevados gastos públicos com medicamentos e cuidados hospitalares. O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito analgésico e terapêutico do extrato hidroetanólico bruto (EHBv) e fração acetato de etila (FAc) de Borreria verticillata (L.) G. Mey. (BV) em modelo experimental de OA em joelhos de ratos. Os animais foram distribuídos em sete grupos com 6 animais cada, totalizando 42 animais. Foi induzida OA com uma única injeção intra-articular de Monoiodoacetato de sódio (MIA) no joelho direito em seis grupos (Salina, Melox, EHBv, FAc 5mg, FAc 2,5mg, Ácido ursólico (AU) e no sétimo grupo (sem OA) não foi induzida. A partir do 3º dia após a indução, os animais foram tratados até o 28º dia, por gavagem (via oral) com extrato e frações de BV nas seguintes doses EHBv 500mg/kg/dia, FAc 5mg/kg/dia, FAc 2,5mg/kg/dia e AU 10mg/Kg/dia e Meloxicam 7,5mg/kg/dia. Para avaliação clínica comportamentais utilizou-se os parâmetros de: atividade motora/deambulação forçada, quantificação de dor espontânea e avaliação da alodinia mecânica; analise da incapacitância/ distribuição do peso nas patas traseiras e hiperalgesia mecânica. O estudo farmacológico atenuou significativamente as manifestações comportamentais de dor nos animais tratados com o extrato e suas frações em comparação com o grupo salina (0,1ml/Kg) sugerindo uma ação analgésica da BV. A espécie Borreria verticillata (L.) G. Mey. para o tratamento de Osteoartrite, revela ser um composto promissor para o desenvolvimento de fármacos utilizados para analgesia, podem ser úteis no tratamento de diferentes tipos de dores e como adjuvantes para medicamentos convencionais.
Abstract: Osteoarthritis (OA) is the most common form of joint disease by changing the quality of life, being the most frequent cause of musculoskeletal pain for the activities of daily living and labor activity in Brazil and in the world, becoming a health problem with implications socioeconomic. OA has no cure and has a direct impact on the economy as a result of high public spending with medicines and hospital care. The aim of this study was to evaluate the analgesic effect and extract raw to evaluate therapeutic (EHBv) and ethyl acetate fraction (FAc) of Borreria verticillata (l.) g. Mey. (BV) in experimental model of OA in the knees of rats. The animals were divided into seven groups with 6 animals each, totaling 42 animals. Was induced OA with a single intra-articular injection of sodium Monoiodoacetato (MIA) in his right knee in six groups (Salina, Melox, EHBv, FAc 5 mg, FAc 2, 5 mg, ursolic Acid (AU) and the 7th Group (no OA) was not induced. From the 3rd day after induction, the animals were treated until the 28th day, by gavage (mouth) with extract and fractions of BV in the following EHBv doses 500 mg/kg/day, 5 mg/kg/day FAc, FAc 2, 5 mg/kg/day and AU 10 mg/Kg/day and Meloxicam 7, 5 mg/kg/day. Clinical behavioral assessment used the parameters of: motor activity/forced ambulation, quantification of spontaneous pain and evaluation of mechanical allodynia; analysis of incapacitância/weight distribution on the hind legs and mechanical hyperalgesia. The pharmacological study significantly mitigated the behavioral manifestations of pain in animals treated with the extract and its fractions compared with the saline Group (0, 1 ml/Kg) suggesting an analgesic action of BV. The species Borreria verticillata (l.) g. Mey. for the treatment of osteoarthritis, reveals himself to be a promising compound for the development of drugs used for analgesia, can be useful in the treatment of different types of pains and as adjuvants for conventional medicines.
Palavras-chave: Borreria verticillata
Osteoartrite
Analgésica
Ratos wistar
Borreria verticillata
Osteoarthritis
Analgesic
Wistar rats
Área(s) do CNPq: Clínica Médica
Reumatologia
Fitotecnia
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal do Maranhão
Sigla da instituição: UFMA
Departamento: DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS FISIOLÓGICAS/CCBS
Programa: PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM SAÚDE DO ADULTO E DA CRIANÇA/CCBS
Citação: RODRIGUES, Marineide Sodré. Análise da ação analgésica da Borreria Verticillata (L.) G. Mey. em modelo experimental de osteoartrite em rato. 2019. 63 f. Dissertação (Programa de Pós-Graduação em Saúde do Adulto e da Criança / CCBS) - Universidade Federal do Maranhão, São Luís.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tedebc.ufma.br/jspui/handle/tede/tede/2585
Data de defesa: 1-Mar-2019
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO DE MESTRADO - PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM SAÚDE DO ADULTO

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Marineide-Sodre.pdfDissertação de Mestrado1,3 MBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.