???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tedebc.ufma.br/jspui/handle/tede/tede/2521
Tipo do documento: Dissertação
Título: Flebotomíneos em peridomicílios rurais: como fatores ambientais, animais e limpeza do peridomicílio influenciam na abundancia desses dipteros
Título(s) alternativo(s): Phlebotomines in rural peridomicílios: as environmental factors, animals and cleaning of the peridomicílio influence in the abundance of these dipteros
Autor: BRITO, Gustavo Almeida 
Primeiro orientador: REBÊLO, José Manuel Macário
Primeiro membro da banca: REBÊLO, José Manuel Macário
Segundo membro da banca: ANDRADE FILHO, José Dilermando
Terceiro membro da banca: MIRANDA, Ana Catarina Sequeira Nunes Coutinho de
Resumo: A propagação das leishmanioses é um problema mundial que afeta mais de 80 países. Uma das formas de combate à doença é o controle do vetor (flebotomíneo). Para entender como a abundância desse díptero é influenciada por variáveis ambientais, pela limpeza do peridomicílio e por animais domésticos ao redor das residências rurais fez-se um estudo na região do Parque Nacional dos Lençóis Maranhense. Foram realizadas coletas em 112 peridomicílios rurais com armadilha CDC. Como resultados foram capturados 3.169 flebotomíneos de 11 espécies. As variáveis que aumentaram a abundância de flebotomíneos foram: a presença de animais, a proximidade aos corpos d’água, a pouca cobertura da vegetação. A limpeza do peridomicílio contribuiu para abundancia de machos de flebotomíneos. Além disso, três animais contribuíram para a atração desses dípteros para o peridomicílio: galinhas, equinos e suínos.
Abstract: The spread of leishamniasis is a worldwide problem that affects more than 80 countries. One way to combat the disease is by controlling the vector (Phlebotomine). To understand how the abundance of this diptera is influenced by environmental variables, by the cleanness of the peridomicile and by domestic animals around the rural residences. There were collected samples in 112 rural peridomiciles with a CDC trap in cities that are part of the Lençóis Maranhenses National Park. As a result, 3169 phlebotomines were captured and they were from 11 species. The variables that increased the abundance of phlebotomines were: animals presence, bodies of water proximity, and low vegetation cover. The cleaning of the peridomicile contributed to the abundance of males phlebotomines. Besides, three animals contributed to the inducement of these diptera to the peridomicile: chickens, horses and pigs.
Palavras-chave: Inseto vetor
Controle de pragas
Manejo ambiental
Vector
Ecology
Control
Environmental management
Área(s) do CNPq: Engenharia Sanitária
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal do Maranhão
Sigla da instituição: UFMA
Departamento: DEPARTAMENTO DE BIOLOGIA/CCBS
Programa: PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BIODIVERSIDADE CONSERVAÇÃO/CCBS
Citação: BRITO, Gustavo Almeida. Flebotomíneos em peridomicílios rurais: como fatores ambientais, animais e limpeza do peridomicílio influenciam na abundancia desses dipteros. 2017. 67 f. Dissertação (Programa de Pós-Graduação em Biodiversidade Conservação/CCBS) - Universidade Federal do Maranhão, São Luís.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tedebc.ufma.br/jspui/handle/tede/tede/2521
Data de defesa: 4-May-2017
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO DE MESTRADO - PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BIODIVERSIDADE E CONSERVAÇÃO

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
GustavoAlmeidaBrito.pdfDissertação de Mestrado670,39 kBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.