???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tedebc.ufma.br/jspui/handle/tede/tede/2518
Tipo do documento: Dissertação
Título: Gênero e sexualidade no contexto educacional: o que dizem os docentes do Instituto Federal do Maranhão - IFMA
Título(s) alternativo(s): Gender and sexuality in the educational context: what the of the Federal Institute of Maranhão - IFMA
Autor: SILVA, Joelma Ramos Serejo 
Primeiro orientador: ALCÂNTARA, Ramon Luis de Santana
Primeiro membro da banca: ALCÂNTARA, Ramon Luis de Santana
Segundo membro da banca: PEREIRA, Adriana Bernardes
Terceiro membro da banca: SILVA, Sirlene Mota Pinheiro da
Resumo: Marcado pela colonialidade e pelas relações de diferenciação que engendraram historicamente os sujeitos do gênero e da sexualidade, o sistema educacional público do Brasil possui uma formação discursiva embasada pela norma de gênero e pela matriz heterossexual. Nesse contexto encontram-se os docentes, que tanto sofrem os efeitos das técnicas de subjetivação heteronormativas, quanto se constituem em agentes de suas efetivações. Esta dissertação analisa os discursos de professoras e professores do Instituto Federal do Maranhão - Campus São Luís Monte Castelo (IFMA-CSLMC) acerca da diversidade sexual e de gênero. Identifica os saberes suscitados sobre sexualidade e relações de gênero, bem como as implicações destes na atuação cotidiana dos docentes junto aos estudantes. Aponta as perspectivas dos discursos das políticas educacionais relativas à temática da diversidade de gênero e sexual. A pesquisa de campo foi realizada por meio de observação etnográfica, análise documental e de realização de entrevista com os docentes. Os resultados indicam que os discursos das professoras e dos professores sobre gênero e sexualidade são polissêmicos, havendo predominância de saberes produzidos pelos dispositivos heteronormativos hegemônicos, circunscritos ao binarismo sexual e de gênero. Apontam a necessidade de ser oferecida formação continuada às professoras e aos professores, na temática em foco, que lhes permitam desenvolver conhecimentos sobre os dispositivos históricos da sexualidade e do gênero. Demonstra que há um descompasso entre as demandas das políticas educacionais relativas à diversidade sexual e de gênero, e as interanimações dialógicas que se processam no cotidiano educacional. Identifica que os docentes exercitam sua capacidade de resistência aos processos de subjetivação heteronormativa, tanto para questioná-los, quanto para reafirmá-los. Conclui-se que a problematização dos dispositivos heteronormativos pelos docentes constituise numa estratégia fundamental para que o CSLMC possa cumprir com a sua missão e visão institucional, e contribuir com o término da violência proporcionada pela homofobia e misoginia.
Abstract: Marked by the coloniality and the relations of differentiation that historically engendered the subjects of gender and sexuality, Brazil‟s public educational system has a discursive formation based on the norm of gender and the heterosexual matrix. In this context we find teachers who suffer the effects of heteronormative subjectivation techniques while are agents of their effectiveness. This master‟s dissertation analyzes the discourses of Federal Institute of Maranhão - São Luís Monte Castelo Campus (IFMA-CSLMC) teachers on sexual and gender diversity. It identifies the knowledge raised about sexuality and gender relations as well as the implications of these on the daily activities of teachers with students. It points out the perspectives of educational policy discourses related to gender and sexual diversity. A field research was done through ethnographic observation, documentary analysis and interviews with teachers. The results indicate that teachers‟ discourses about gender and sexuality are polysemic, with predominance of knowledge produced by hegemonic heteronormative devices, restricted to sexual and gender binarism. Furthermore the results point to the need to offer continuing education to teachers, in the focus area, to enable them to develop knowledge about the historical devices of sexuality and gender. Also it demonstrates that there is a mismatch between the demands of educational policies related to sexual and gender diversity and the dialogical interactions that take place in educational routine. Moreover it identifies that teachers exercise their capacity of resistance to the processes of heteronormative subjectivation both to question them and to reaffirm them. Thus the bottom line of this essay is that the problematization of heteronormative devices by teachers constitutes a fundamental strategy for the CSLMC can fulfill its mission and institutional vision and contribute to ending the violence provided by homophobia and misogyny.
Palavras-chave: Gênero
Sexualidade
Discurso docente
Educação pública
Gender
Sexuality
Teacher discourse
Public education
Área(s) do CNPq: Psicologia do Ensino e da Aprendizagem
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal do Maranhão
Sigla da instituição: UFMA
Departamento: DEPARTAMENTO DE PSICOLOGIA/CCH
Programa: PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM PSICOLOGIA/CCH
Citação: SILVA, Joelma Ramos Serejo. Gênero e sexualidade no contexto educacional: o que dizem os docentes do Instituto Federal do Maranhão - IFMA. 2018. 165 f. Dissertação (Programa de Pós-Graduação em Psicologia/CCH) - Universidade Federal do Maranhão, São Luís.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tedebc.ufma.br/jspui/handle/tede/tede/2518
Data de defesa: 31-Aug-2018
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO DE MESTRADO - PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM PSICOLOGIA

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
JoelmaSilva.pdfDissertação de Mestrado949,6 kBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.