???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tedebc.ufma.br/jspui/handle/tede/tede/2403
Tipo do documento: Dissertação
Título: Análise de modelos de gestão da eficiência energética no transporte ferroviário Heavy Haul
Título(s) alternativo(s): Analysis of energy efficiency management models in the Heavy Haul Railway
Autor: RODRIGUES, Kardilson Pereira 
Primeiro orientador: LIMA, Shigeaki Leite de
Primeiro membro da banca: LIMA, Shigeaki Leite de
Segundo membro da banca: CUTRIM, Sergio Sampaio
Terceiro membro da banca: DORNER, Stefan Hubertus
Resumo: O transporte de cargas é estratégico para qualquer país que busca o desenvolvimento, e a utilização do modal ferroviário tem sua relevância, principalmente em países de dimensões continentais. Na operação de uma ferrovia, principalmente nas classificadas como Heavy Haul, a gestão da eficiência energética está ligada tanto aos aspectos econômicos quanto aos aspectos ambientais, em função destas ferrovias utilizarem locomotivas diesel elétricas, consumindo um tipo de energia não renovável (o diesel), e com emissão de ��ଶ. Ao longo das décadas, ocorreu evolução das práticas de gestão da eficiência energética no mundo, principalmente em ferrovias dos Estados Unidos da América, com uso mais intenso de tecnologias e renovação de frota com locomotivas mais eficientes. No Brasil as poucas ferrovias possuem modelos de gestão buscando também esta melhoria, muito em função dos custos maiores do diesel, em comparação com ferrovias de outros países. Assim, será abordado no presente trabalho uma análise dos modelos de gestão da eficiência energética de ferrovias do Brasil, Estados Unidos da América e Canadá, com o objetivo de propor um modelo para melhoria dos processos de gestão existentes e para novas operações ferroviárias.
Abstract: ABSTRATC Freight transportation is strategic for any country seeking development, and the use of the rail modal is of relevance, especially in countries with continental dimensions. In the operation of a railroad, especially those classified as Heavy Haul, the management of energy efficiency is linked to both economic and environmental aspects, as these railroads use electric diesel locomotives, consuming a type of non-renewable energy (diesel), and with emission of ��ଶ. Over the decades, energy efficiency management practices in the world have evolved, especially in United States railroads, with more intense use of technologies and fleet renewal with more efficient locomotives. In Brazil, the few railroads have management models looking for this improvement, much in function of the higher costs of diesel, compared to railroads of other countries. Thus, an analysis of the energy efficiency management models of railroads of Brazil, the United States of America and Canada will be approached in order to propose a model for improving existing management processes and for new railway operations.
Palavras-chave: Transporte de Cargas
Ferrovias Heavy Haul
Eficiência Energética
Freight Transportation
Heavy Haul Railway
Energy Efficiency
Área(s) do CNPq: Ferrovias; Projetos e Construção
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal do Maranhão
Sigla da instituição: UFMA
Departamento: DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA DA ELETRICIDADE/CCET
Programa: PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENERGIA E AMBIENTE/CCET
Citação: RODRIGUES, Kardilson Pereira. Análise de modelos de gestão da eficiência energética no transporte ferroviário Heavy Haul. 2018.116f. Dissertação (Programa de Pós-Graduação em Energia e Ambiente/CCET) - Universidade Federal do Maranhão, São Luís.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tedebc.ufma.br/jspui/handle/tede/tede/2403
Data de defesa: 6-Sep-2018
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO DE MESTRADO - PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENERGIA E AMBIENTE

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
KardilsonRodrigues.pdfDissertação de Mestrado6,35 MBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.