???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tedebc.ufma.br/jspui/handle/tede/tede/2402
Tipo do documento: Dissertação
Título: O “ser” percebido na contemporaneidade: relações de ódio no comportamento social em redes sociais
Título(s) alternativo(s): The "being" perceived in contemporaneity: hate relationships in social behavior in social networks
Autor: LOPES, Muranna Silva 
Primeiro orientador: RODRIGUES, Sannya Fernanda Nunes
Primeiro membro da banca: RODRIGUES, Sannya Fernanda Nunes
Segundo membro da banca: MARQUES, Márcia
Terceiro membro da banca: BOTTENTUIT JUNIOR, João Batista
Resumo: O discurso de ódio nas redes sociais. O fim do século XX e o início do século XXI foram marcados por um conjunto de transformações políticas, econômicas e ideológicas que apontavam para a construção de uma nova sociedade, regida por princípios distintos daqueles que haviam sido hegemonicamente dominantes até as décadas de 1960 e 1970. Novos sujeitos sociais, modos de produção, práticas políticas, tipos de sociedade, de organização da produção, de formas de ação política coletiva foram ancorados com base no avanço, no progresso ou no desenvolvimento científico e tecnológico. Assim, a presente dissertação pretende analisar o discurso de ódio no comportamento social, que atravessa postagens, debates e discussões na rede social Facebook, no período político que compreende o ano de 2016. Além de refletir como as produções discursivas evidenciam a construção de identidades nas redes sociais e como relações assimétricas de poder são mantidas ou modificadas nas práticas sociais nesses espaços. Utiliza como principais condutores teóricos Castells (2013), Lévy (2003), Bauman (2000), Foucault (2012), Barbero (2014), Recuero (2009). Este estudo proporcionará a discussão e o entendimento em esfera global, acerca das relações comportamentais do indivíduo inserido no campo tecnológico das redes sociais, com vistas a desencadear uma reflexão dessas posturas que atingem grande parte da sociedade. Evidenciou-se, portanto, que o espaço virtual na mesma proporção em que dá espaço ao discurso de ódio e à prática das intolerâncias também oportuniza que denúncias sejam concretizadas.
Abstract: ABSTRACT The hate speech on social media. The end of the 20th century and the beginning of the 21st have been characterized by a collection of political, economical and ideological transformations that aim at the construction of a new society, ruled by different elements from those that had been hegemonically dominants until the 1960 and 1970 decades. New social individuals, new production system, political methods, types of society, production organization and forms of collective political actions were anchored according with the advance, progress or scientifical and technological development. Thus, this dissertation intends to analyze the hate speech on social behavior that is presented on posts and discussions on Facebook media during the political period that comprehends the year of 2016. Beyond that, the reflection of how the discursive productions highlight the construction of identities on social media and how the asymmetrical relations of power are kept or modified on social practices on this environment. The main theoretical conductors exploited are Castells (2013), Lévy (2003), Bauman (2000), Foucalt (2012), Barbero (2014) and Recuero (2009). This study brought a discussion and understanding about the behavioral relations of the individual inserted on the technological field of social media, with the intention to elicit a reflection of these stances that affect the biggest part of the society. Therefore, there was the clarification that the virtual environment gives space to hate speech and to intolerant practices, as much as it offers an opportunity to reports to be consolidated as well.
Palavras-chave: Comportamento social
Redes Sociais
Discurso de Ódio
Poder
Social behavior
Social media
Hate speech
Power
Área(s) do CNPq: Sociologia da Educação
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal do Maranhão
Sigla da instituição: UFMA
Departamento: DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO I/CCSO
Programa: PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CULTURA E SOCIEDADE/CCH
Citação: LOPES, Muranna Silva. O “ser” percebido na contemporaneidade: relações de ódio no comportamento social em redes sociais. 2018. 138f. Dissertação (Programa de Pós-Graduação em Cultura e Sociedade/CCH) - Universidade Federal do Maranhão, São Luís .
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tedebc.ufma.br/jspui/handle/tede/tede/2402
Data de defesa: 30-Jul-2018
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO DE MESTRADO - PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CULTURA E SOCIEDADE (PGCULT) MESTRADO INTERDISCIPLINAR

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
MurannaLopes.pdfDissertação de Mestrado1,68 MBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.