???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tedebc.ufma.br/jspui/handle/tede/tede/2303
Tipo do documento: Dissertação
Título: Perfil psicossocial de mulheres durante o pré – natal em um hospital de referência do sistema de saúde pública do Brasil
Título(s) alternativo(s): Psychosocial profile of women during prenatal care at a referral hospital in the Brazilian public health system
Autor: GOMES, Franco Celso da Silva 
Primeiro orientador: LOPES, Fernanda Ferreira
Primeiro membro da banca: ARRUDA, Mariana Oliveira
Segundo membro da banca: CHEIN, Maria Bethânia Costa
Terceiro membro da banca: PEREIRA, Adriana de Fátima Vasconcelos
Resumo: A gestação é um evento fisiológico na vida da mulher, marcado por intensas modificações físicas, psicológicas, sociais e econômicas, os aspectos emocionais são um desafio, sendo o estresse , falta de apoio social e da autoestima possíveis perturbadores da saúde e bem-estar materno-fetal, quando a assistência pré-natal integral é indispensável para uma gravidez segura e saudável. Assim, o objetivo geral deste estudo foi avaliar o perfil psicossocial de gestantes em acompanhamento pré-natal a partir do Prenatal Phycossocial Profile ( PPP ). A metodologia aplicada neste estudo é de caráter observacional do tipo transversal, descritivo, exploratório, com coleta de dados primários no período de março a julho de 2017, no Ambulatório de Obstetrícia do HUUFMA , no município de São Luís – MA, com gestantes que estavam em acompanhamento Pré-Natal. Para a pesquisa foi usado um questionário validado, adaptado e traduzido para língua portuguesa, o (PPP-VP). A amostra foi composta por 160 gestantes, incluindo todas as mulheres na faixa etária entre 14 e 47 anos de idade. Na análise estatística descritiva pode – se notar que a caracterização da amostra evidenciou - se em sua maioria que as gestantes tinham ensino médio completo, faixa etária de 15 a 35 anos, estavam no terceiro trimestre da gestação, primigestas, com número de consultas pré – natais inferior a seis e nulíparas.Na análise de regressão linear do constructo estresse todas as variáveis apresentaram influência significativa com destaque para preocupações financeiras (R2=0,60), quanto ao apoio social do companheiro e de outras pessoas todos os itens do constructo influenciaram significativamente. Todas as variáveis que compõem o construto auto-estima tiveram influência significativa, sendo que a regressão linear simples revelou que o sentimento de que “não” é um fracasso (R2= 0,37) e sentir-se satisfeita consigo mesma (R2= 0,31) foram os que mais explicitaram o referido construto.Na Correlação de Pearson, estresse x auto – estima foi a única que manifestou correlação negativa e influência significativa forte (r = -0,178/p=0,025). A análise de variância mostra que não houve diferenças de significância estatística entre os trimestres gestacionais relativo ao PPP-VP. Ainda relativo ao instrumento ao se relacionar paridade e os elementos do constructo foi evidenciado influência do estresse principalmente em mulheres multíparas. O trabalho evidencia que as gestantes encontram – se com os fatores psicossociais ajustados e dentro de um padrão que não compromete o período , porém ainda fala – se muito pouco nas unidades desse olhar quanto a esses aspectos o que pode causar interferências negativas à gestação.
Abstract: Gestation is a physiological event in a woman's life, marked by intense physical, psychological, social and economic changes. Emotional aspects are a challenge, with the possible stress, lack of social support and self-esteem that are disruptive to maternal health and well-being where prenatal care is integral to a safe and healthy pregnancy. Thus, the general objective of this study was to evaluate the psychosocial profile of pregnant women under prenatal care from the Prenatal Phycossocial Profile (PPP). The methodology applied in this study is cross - sectional, descriptive, exploratory, with primary data collection from March to July 2017, at the Obstetrics Outpatient Clinic of HUUFMA, in the city of. With pregnant women who were in prenatal follow-up. For the research, a questionnaire validated, adapted and translated into Portuguese, was used (PPP-VP). The sample consisted of 160 pregnant women, including all women between the ages of 14 and 47 years. In the descriptive statistical analysis it can be observed that the characterization of the sample was mostly evidenced that the pregnant women had full secondary education, age group of 15 to 35 years, were in the third trimester of gestation, primigravidae, with number of pre - In the linear regression analysis of the stress construct all variables had a significant influence, with emphasis on financial concerns (R2 = 0.60), on the social support of the companion and other people, all items of the construct influenced significantly. All the variables that make up the self-esteem construct had a significant influence, and the simple linear regression revealed that the feeling that "no" is a failure (R2 = 0.37) and feel satisfied with itself (R2 = 0 , 31) were the ones that most explicitly explained this construct. In Pearson 's correlation, stress and self - esteem was the only one that showed a negative correlation and a strong influence (r = - 0.178 / p = 0.025). The analysis of variance shows that there were no differences of statistical significance between the gestational trimesters relative to PPP-VP. Also related to the instrument when relating parity and elements of the construct was evidenced influence of stress mainly in multiparous women. The study shows that pregnant women have psychosocial factors adjusted and within a pattern that does not compromise the period, but there is still very little talk in the units of this look about these aspects which can cause negative interferences to gestation.
Palavras-chave: Gestação
Estresse
Autoestima
Apoio Social
Gestation
Stress
Self-esteem
Social support
Área(s) do CNPq: Ginecologia e Obstetrícia
Odontologia
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal do Maranhão
Sigla da instituição: UFMA
Departamento: DEPARTAMENTO DE MEDICINA II/CCBS
Programa: PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM SAÚDE DO ADULTO E DA CRIANÇA/CCBS
Citação: GOMES, Franco Celso da Silva. Perfil psicossocial de mulheres durante o pré – natal em um hospital de referência do sistema de saúde pública do Brasil. 2018. 64 f. Dissertação (Mestrado em Saúde do Adulto) - Universidade Federal do Maranhão, São Luís, 2018.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tedebc.ufma.br/jspui/handle/tede/tede/2303
Data de defesa: 26-Feb-2018
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO DE MESTRADO - PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM SAÚDE DO ADULTO

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
FrancoGomes.pdfDissertação765,81 kBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.