???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tedebc.ufma.br/jspui/handle/tede/tede/1725
Tipo do documento: Dissertação
Título: A construção do estado guineense no contexto da diversidade étnico-cultural
Título(s) alternativo(s): The construction of the Guinean state in the context of ethnic-cultural diversity
Autor: Soares, Marcelino Mendes 
Primeiro orientador: ARAÚJO, Maria do Socorro Sousa de
Resumo: A presente dissertação procura analisar o processo de construção do Estado guineense no contexto da diversidade étnico-cultural, tomando como referência temporal dois períodos: o momento de elaboração da Constituição da República da Guiné-Bissau de 1984, incluindo a matriz de 1973, e o processo de democratização da política guineense após 1994. Ambos são de fundamental importância para a compreensão da atual conjuntura sociopolítica na Guiné-Bissau, em decorrência de sucessivos golpes de estado nesse país. Aponta que a maioria dos problemas da Guiné-Bissau origina-se da ideologia de uma política centralizada implementada pelo PAIGC, que criou o Estado novo da Guiné-Bissau. Para tanto, aborda o caráter significativo dos conflitos de poder e das lutas pela legitimidade das diversas etnias desconsideradas no corpo textual da Constituição Nacionalista da Guiné-Bissau, que procura impor uma cultura como nacional em detrimento das demais. Aborda como o sentimento de incerteza sobre o futuro da Guiné-Bissau aterroriza os guineenses, sobretudo os camponeses, manipulados pelo discurso ilusório de unidade e luta do PAIGC, que conclamava os guineenses à luta pela “libertação nacional”. Indica a ausência de um projeto político de consciência multiétnico, que promova o elo de comunicação entre os sujeitos da política guineense. Conclui que a narrativa que outrora acomodava os guineenses, hoje lhes despertou a atenção, obrigando-os a sair da zona de conforto em defesa dos direitos e deveres comuns a todos os guineenses.
Abstract: The present dissertation analyzes the process of construction of the Guinean state in the context of ethnic-cultural diversity, considering as reference time two periods: the moment of elaboration of the Constitution of the Republic of Guinea-Bissau of 1984, including the matrix of 1973, and the Process of democratization of Guinean politics after 1994. Both are of fundamental importance for the understanding of the current sociopolitical conjuncture in Guinea-Bissau, as a result of successive coups d'état in that country. It points out that most of Guinea-Bissau's problems originate from the ideology of a centralized policy implemented by the PAIGC, which created the new Guinea-Bissau state. In order to do so, it addresses the significant character of conflicts of power and struggles for the legitimacy of the various ethnicities disregarded in the textual body of the Nationalist Constitution of Guinea-Bissau, which seeks to impose one culture as a national to the detriment of others. It addresses how the feeling of uncertainty about the future of Guinea-Bissau terrifies the Guineans, especially the peasants manipulated by the illusory discourse of unity and struggle of the PAIGC, which called on the Guineans to fight for "national liberation." It indicates the absence of a political project of multiethnic conscience to promote the communication link between the subjects of Guinean politics. It concludes that the narrative that once accommodated Guineans has called their attention today, forcing them to leave the comfort zone in defense of the rights and duties common to all Guineans.
Palavras-chave: Guiné-Bissau
Estado nacional
Diversidade Étnico-Cultural
National state
Ethnic-Cultural Diversity
Área(s) do CNPq: Sociologia
Estado e Governo
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal do Maranhão
Sigla da instituição: UFMA
Departamento: DEPARTAMENTO DE SERVIÇO SOCIAL/CCSO
Programa: PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM POLÍTICAS PÚBLICAS/CCSO
Citação: SOARES, Marcelino Mendes. A construção do estado guineense no contexto da diversidade étnico-cultural. 2016. 142 f. Dissertação (Mestrado em Políticas Públicas) - Universidade Federal do Maranhão, São Luís, 2016.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tedebc.ufma.br:8080/jspui/handle/tede/1725
Data de defesa: 20-Dec-2016
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO DE MESTRADO - PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM POLÍTICAS PÚBLICAS

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
MarcelinoMendesSoares.pdfDissertação4,51 MBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.