???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tedebc.ufma.br/jspui/handle/tede/tede/1037
Tipo do documento: Dissertação
Título: BIOPROSPECÇÃO DAS FOLHAS, CASCA E LÁTEX DA ESPÉCIE VEGETAL Himatanthus drasticus (JANAÚBA)
Título(s) alternativo(s): Bioprospecting LEAVES, BARK AND LATEX VEGETABLE KIND Himatanthus drasticus (Frangipani)
Autor: Coutinho, Gizelli Santos Lourenço 
Primeiro orientador: OLEA, Roberto Sigfrido Gallegos
Primeiro coorientador: Borges, Marilene Oliveira da Rocha
Resumo: Himatanthus drasticus (janaúba) é uma árvore com folhagem densa nas extremidades dos ramos, folhas obovais, ubcoriáceas, brilhantes, glabras, verde escuro, com ápice arredondado a obtuso, pecíolos curtos e casca rugosa que exsuda um látex branco bastante utilizado na medicina popular no tratamento de tumores, verminoses, gastrites, artrites, infertilidade e também contra o câncer. Portanto, este trabalho tem como objetivo fazer um levantamento etnofarmacológico da utilização da espécie vegetal pela população ludovicense, determinar a composição fitoquímica e de metais, além de avaliar a atividade antioxidante e microbiológica do extrato hidroalcoólico das folhas, casca e látex da espécie vegetal H. drasticus. Realizaram-se testes qualitativos para detecção de metabólitos secundários e a detecção de minerais foi realizada por absorção atômica (técnica ICP-OES). Em relação à atividade antioxidante utilizou-se o método in vitro com DPPH e para a atividade antimicrobiana foram utilizadas cepas padrão (ATCC) de bactérias gram-positivas (Staphylococcus aureus, treptococcus agalacicus), gramnegativas (Pseudomonas aeruginosa, escherichia coli, Klebsiella pneumoniae, Proteus mirabilis) e leveduras do gênero Candida (C. albicans, C. parapsilosis, C. tropicallis, C.glabrata) através de testes em difusão no meio sólido e difusão em ágar, determinando-se a Concentração Inibitória Mínima (CIM) e citotoxicidade. Em relação ao uso popular no Maranhão H. drasticus é indicada para: inflamação, inflamação do útero, gastrite, úlceras, depurativo do sangue, próstata, câncer, fortificante e contra infertilidade. Foram encontrados nas folhas de Himatanthus drasticus flavonoides, taninos condensados, alcaloides, esteroides livre, triterpenos, saponinas, resinas, cumarinas. Nas cascas, encontrou-se resultados fortemente positivo para antocianinas, antocianidinas e flavonoides. Tanto na casca quanto no látex foram detectados a presença de esteroides e triterpenóides. Foi encontrado ainda na casca um percentual bastante acentuado de cálcio, potássio e magnésio, no látex se observou maior percentual de cálcio, magnésio e nas folhas a predominância de minerais do tipo cálcio, potássio, fósforo e magnésio. O extrato hidroalcoólico das cascas e folhas de H. drasticus apresentou significativa atividade antioxidante com CE50% 27,8848 Pg/mL e CE50 de 31,62 Pg/mL, espectivamente. No teste in vitro foi observada a inibição de crescimento das cepas testadas com extrato hidroalcoólico das cascas e folhas de H. drasticus, porém o látex não apresentou atividade. Apenas o látex causou morte celular no titulo 1:16 na célula de carcinoma de laringe (HEP-2) e 1:8 na célula de carcinoma uterino (Hela). Por isso, novos estudos devem ser realizados para melhor conhecimento científico da espécie H. drasticus.
Abstract: Himatanthus drasticus (janaúba) is a tree with dense foliage at the ends of branches, oblique and ovals leaves, subcoriaceous, shiny, glabrous, dark green, with apex rounded to obtuse, short petioles and rough bark that exudes a white latex widely used in popular medicine in treatment of tumors, worms, gastritis, arthritis, infertility and also cancer. Therefore, this study aims to do an ethnopharmacological survey, determine the phytochemical and metal compositions, and to evaluate the antioxidant and microbiological activity of the hydroalcoholic extract from the leaves, bark and latex of the plant species Himatanthus drasticus. Qualitative tests were conducted for detection of secondary metabolites, and mineral detection was performed by atomic absorption (ICP-OES technique). In relation to the antioxidant activity was used in vitro method with DPPH and for antimicrobial activity have been used standard strains (ATCC) of gram-positive bacteria (Staphylococcus aureus, Streptococcus agalacicus), gram-negative (Pseudomonas aeruginosa, Escherichia coli, Klebsiella pneumoniae, Proteus mirabilis) and yeasts of Candida gender (C. albicans, C. parapsilosis, C. tropicallis, C.glabrata) through tests in diffusion in the solid and in agar diffusion, determining the Minimum Inhibitory Concentration (MIC). Regarding the popular use in Maranhão is indicated for: inflammation, inflammation on uterus, gastritis, ulcers, blood cleanser, prostate, cancer, as restorative and against infertility. Were found in the leaves of Himatanthus drasticus flavonoides, condensed tannins, alkaloids, steroid free, triterpenes, saponins, resins, coumarins. In barks, were found strongly positive results for anthocyanins, flavonoids and anthocyanidins. In the bark and latex were detected the presence of steroids and triterpenoids. Still in the bark was found a great percentage of calcium, potassium and magnesium, in the latex was observed higher percentage of calcium, magnesium and in the leaves the predominance of minerals like calcium, potassium, phosphorus and magnesium. The hydroalcoholic extract of the bark and leaves of H. drasticus showed significant antioxidant activity with EC50% 27.8848 9g / mL and CE50 of 31.62 9g / mL, respectively. In vitro testing was observed inhibition of growth of the tested strains with hydroalcoholic extract from the bark and leaves of H. drasticus, but the latex was inactive. Only the latex has caused cell death in the title 1:16 in carcinoma larynx cell (HEP-2) and 1:8 in uterine carcinoma cell (Hela). Therefore, further studies should be conducted to better scientific understanding of the species H. drasticus
Palavras-chave: himatanthus drasticus
atividade antioxidante
atividade antimicrobiana
perfil fitoquímico
detecção de minerais
himatanthus drasticus
antioxidant activity, antimicrobial activity, phytochemical profile, detection of minerals.
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Federal do Maranhão
Sigla da instituição: UFMA
Departamento: SAÚDE E MEIO AMBIENTE
Programa: PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM SAÚDE E AMBIENTE/CCBS
Citação: COUTINHO, Gizelli Santos Lourenço. Bioprospecting LEAVES, BARK AND LATEX VEGETABLE KIND Himatanthus drasticus (Frangipani). 2013. 129 f. Dissertação (Mestrado em SAÚDE E MEIO AMBIENTE) - Universidade Federal do Maranhão, São Luís, 2013.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tedebc.ufma.br:8080/jspui/handle/tede/1037
Data de defesa: 10-Jun-2013
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO DE MESTRADO - PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM SAÚDE E AMBIENTE

Files in This Item:
File SizeFormat 
DISERTACAO_GIZELI SANTOS LOURENCO COUTINHO.pdf2,69 MBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.