Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://tedebc.ufma.br/jspui/handle/tede/tede/40
Tipo do documento: Dissertação
Título: TRAMAS DE GÊNERO: um estudo sobre mulheres que tecem redes de dormir em São Bento - MA
Título(s) alternativo(s): WEFTS OF GENDER: a study on women who weave hammocks in São Bento - MA
Autor: Sousa, Beatriz de Jesus 
Primeiro orientador: Sousa, Sandra Maria N.
Primeiro membro da banca: Santana, Arão Nogueira Paranaguá de
Resumo: Análise das relações sociais de gênero a partir da produção de redes de dormir em São Bento-MA. Abordam-se os principais elementos que definem o município, percebendo-se a existência de uma comunidade de prática voltada para a fabricação artesanal de redes de dormir. Apresentam-se conhecimentos compartilhados pelas artesãs de São Bento no tocante aos saberes e fazeres da rede de dormir. Identifica-se o artesanato enquanto categoria e se salienta a importância da atividade manual, investigando seu fundamento histórico e aspectos legais correlacionados à regulamentação da profissão do artesão. Discute-se a constituição social das identidades de gênero, os significados da abjeção e os marcadores de gênero relacionados às redeiras do município estudado. Percebe-se o gênero como uma performance constituída no tempo a partir da matriz de inteligibilidade heteronormativa, mas que é também produtora dessa matriz, renovando-a e/ou negando-a. Para tanto, recorre-se às noções de dispositivos e tecnologias de gênero por meio das contribuições de Judith Butler, Michel Foucault e Teresa de Lauretis. Examinando os sentidos e as representações de gênero a partir do ponto de vista das redeiras, explora-se a constituição dos seus corpos associados ao trabalho e às implicações de uma profissão que não é reconhecida legalmente. Constata-se que suas expectativas e marcadores de identidade estão relacionados à dinâmica do artesanato no capitalismo, tal como os estudos de Walter Benjamin, Nestor Canclini e Helena Hirata sugerem. Nesse sentido, enfoca-se o artesanato das redes de dormir no contexto capitalista cuja inserção de mulheres no mundo do trabalho sofre os impactos da informalidade, invisibilidade, precarização e baixa remuneração.
Abstract: Analysis of the social relations of gender from the production of hammocks in São Bento city, MA. It addresses the key elements that define the city, realizing the existence of a community of practice focused on the manufacture of handmade hammocks. There are presented knowledge shared by the artisans of São Bento city with regard to knowledge and actions of the hammock. It identifies the craft as a category and highlight the importance of manual activity, investigating its historical foundation and legal aspects related to the regulation of the profession of the craftsman. It discusses the social constitution of gender identities, the meanings of the abjection and gender markers related to the hammocks makers of the city studied. It is perceived gender as a performance made in time from a matrix of heteronormative intelligibility, but that is also producing of this matrix, renewing and / or denying it. To this end, we resort to notions of gender and technology devices through the contributions of Judith Butler, Michel Foucault and Teresa de Lauretis. Examining the senses and gender representations from the point of view of hammocks makers, it explores the constitution of their bodies associated with the work and the implications of a profession that is not legally recognized. It appears that their expectations and identity markers are related to the dynamics of the crafts in capitalism, such the as studies of Walter Benjamin, Nestor Canclini and Helena Hirata suggest. Accordingly, it focuses on the craft of hammocks in a capitalist context whose insertion of women in the working world suffers the impacts of informality, invisibility, insecurity and low payment.
Palavras-chave: Gênero
Artesanato
Mulheres
Rede de dormir
Gender
Craft
Women
Hammock
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::ANTROPOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Federal do Maranhão
Sigla da instituição: UFMA
Departamento: Cultura e Sociedade
Programa: PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CULTURA E SOCIEDADE/CCH
Citação: SOUSA, Beatriz de Jesus. WEFTS OF GENDER: a study on women who weave hammocks in São Bento - MA. 2012. 168 f. Dissertação (Mestrado em Cultura e Sociedade) - Universidade Federal do Maranhão, São Luís, 2012.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede2:8080/tede/handle/tede/40
Data de defesa: 13-Dez-2012
Aparece nas coleções:DISSERTAÇÃO DE MESTRADO - PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CULTURA E SOCIEDADE (PGCULT) MESTRADO INTERDISCIPLINAR

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
Dissertacao Beatriz.pdf5,63 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.