???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tedebc.ufma.br/jspui/handle/tede/tede/1730
Tipo do documento: Dissertação
Título: Planejamento das ações de saúde na Atenção Básica do Nordeste do BRASIL
Título(s) alternativo(s): Planning of health actions in the Basic Northeast Care of BRAZIL
Autor: Cunha, Edeane Rodrigues 
Primeiro orientador: COUTINHO, Nair Portela Silva
Primeiro coorientador: Thomaz, Erika Bárbara Abreu Fonseca
Resumo: Introdução. O processo de planejamento em saúde contribui para a detecção de problemas de saúde que ocorrem na comunidade, além de colaborar como um instrumento no contínuo processo de reorganização do processo de trabalho da Equipe de Saúde da Família. Objetivo. Analisar o planejamento das ações em saúde no processo de trabalho das Equipes de Atenção Básica (EAB) na região Nordeste do Brasil no ano de 2012. Método. Desenvolveu-se um estudo ecológico, cujas unidades de análise foram constituídas por dados das EAB agregados para a esfera do município, utilizando-se o módulo II e considerando-se a fase 3 (Avaliação Externa pertencente ao 1º Ciclo do PMAQ-AB). As variáveis analisadas foram o planejamento das ações, processo de levantamentos de problemas, prioridades, plano de ação, resultados, metas, apoio da gestão, recursos, monitoramento e autoavaliação para a realização das ações de planejamento no Brasil e Nordeste, estimadas em frequências absolutas e percentuais, bem como Intervalos de Confiança a 95%. Também foi utilizado o teste Qui-Quadrado, adotando-se 5% de significância, para a estimativa das diferenças na realização de ações de planejamento entre os Estados do Nordeste. Resultados. Na região NE, 87,0% das UBS’s realizaram atividade de planejamento nos últimos 12 meses e 59,8% tinham documentos comprobatórios. O monitoramento e análise dos indicadores foram realizados por 82,9% das EAB e a autoavaliação, nos últimos seis meses, por 85,6%. Os instrumentos mais utilizados na autoavaliação, análise de situação de saúde e monitoramento das ações identificadas foram Relatórios e consolidados do SIAB (76,7%), também a autoavaliação (73,3%) e os Informes epidemiológicos (69,3%). Os atores que menos apoiaram o planejamento e organização do processo de trabalho das equipes foram os profissionais de vigilância em saúde (30,4%) e o apoiador institucional (44,0%). Houve maior mobilização por parte da gestão. Os gestores apoiaram as EAB para as ações do PMAQ-AB (92,5%), disponibilizaram informações para análise da situação de saúde (88,4%), para discussão do SIAB (78,5%) e apoiaram a autoavaliação (81,2%). Ao analisar iniquidades intrarregionais foram obtidas diferenças entre os Estados para a maioria dos indicadores analisados, exceto para a realização de atividades de planejamento nos últimos 12 meses (P=0,319), levantamento dos problemas (P=0,071) e listagem de prioridades (P=0,458). Considerações Finais. Houve planejamento no processo de trabalho com variações intrarregionais. Os resultados servem de incentivo para firmar o compromisso na gestão das equipes e aprimorar a qualidade da atenção à saúde.
Abstract: Introduction. The planning process in health contributes to the detection of problems of health that happen in the community, besides collaborating as an instrument in the continuous process of reorganization of the process of work of the Team of Health of the Family (ESF). Objective. To analyze the planning of the actions in health in the process of work of the Teams of Basic Attention in the Northeast area of Brazil in the year 2012. Method. It developed an ecological study, whose units of analysis were constituted by data of the teams of AB joined for the sphere of the municipal district, being used the module II and being considered the phase 3 (External Evaluation belonging to the 1st Cycle of PMAQ-AB). The analyzed variables were the planning of the actions, process of risings of problems, priorities, action plan, results, goals, support of the administration, resources, monitoring and self-evaluation, for the accomplishment of the planning actions in Brazil and Northeast, dear in absolute and percentile frequencies, as well as Intervals of Trust to 95%. Also the test Qui-square was used, being adopted 5% of meaningfulness for the estimate of the differences in the accomplishment of planning actions among States of the Northeast. Results. In the area NE, 87.0% of UBS's it was accomplished planning activity in the last 12 months and 59.8% had supporting documents. The monitoring and analysis of the indicators were accomplished by 82.9% of the Teams of Basic Attention (EAB) and the self-evaluation, in the last six months, for 85.6%. The more used instruments in the self-evaluation, analysis of situation of health and monitoring of the identified actions were Reports and consolidated of SIAB (76.7%), also the self-evaluation, (73.3%) and the epidemic reports (69.3%). The actors that less they supported the planning and organization of the process of work of the teams were the surveillance professionals in health (30.4%) and the institutional backer (44.0%). There was larger mobilization on the part of the administration. The managers supported EAB's for the actions of PMAQ-AB (92.5%), they made available information for analysis of the situation of health (88.4%), for discussion of SIAB (78.5%) and they supported the self-evaluation, (81.2%). When analyzing iniquities intraregional they were obtained differences among States for most of the analyzed indicators, except for the accomplishment of planning activities in the last 12 months (P=0.319), rising of the problems (P=0.071) and listing of priorities (P=0.458). Final Considerations. There was planning in the work process, with variations intraregional. The results serve as incentive to firm the commitment in the administration of the teams and to perfect the quality of the attention to the health.
Palavras-chave: Planejamento em Saúde
Atenção Básica
Qualidade, Acesso e Avaliação da Assistência à Saúde
Planning in health
Basic attention
Quality, Access and Evaluation of the Attendance to the Health
Área(s) do CNPq: Enfermagem de Saúde Pública
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal do Maranhão
Sigla da instituição: UFMA
Departamento: DEPARTAMENTO DE ENFERMAGEM/CCBS
Programa: PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM REDE - REDE NORDESTE DE FORMAÇÃO EM SAÚDE DA FAMÍLIA/CCBS
Citação: CUNHA, Edeane Rodrigues. Planejamento das ações de saúde na Atenção Básica do Nordeste do BRASIL. 2016. 92 f. Dissertação (Mestrado em Saúde da Família) - Universidade Federal do Maranhão, São Luís, 2016.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tedebc.ufma.br:8080/jspui/handle/tede/1730
Data de defesa: 31-Oct-2016
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO DE MESTRADO - REDE NORDESTE DE FORMAÇÃO EM SAÚDE DA FAMÍLIA

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
EdeaneCunha.pdfDissertação 822,53 kBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.