???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tedebc.ufma.br/jspui/handle/tede/tede/1447
Tipo do documento: Dissertação
Título: Conhecimento e práticas dos profissionais da Estratégia Saúde da Família sobre as ferramentas de abordagem familiar
Título(s) alternativo(s): Knowledge and practices of the professionals of the Family Health Strategy on the tools of family approach
Autor: Silva, Cláudia Portela e 
Primeiro orientador: AZEVEDO, Conceição de Maria Pedrozo e Silva de
Resumo: A Estratégia Saúde da Família (ESF), eixo de reorganização do Sistema Único de Saúde, preconiza em sua atuação que as equipes de saúde, dentre outros aspectos, direcionem o foco da atenção para as famílias e utilizem tecnologias/ ferramentas apropriadas para o trabalho com famílias. Este estudo, teve por objetivo compreender a prática dos profissionais da ESF na perspectiva do uso das ferramentas de abordagem familiar. Trata-se de um estudo descritivo, com abordagem qualitativa. O material empírico foi obtido, por meio de entrevistas semiestruturadas com questões de caracterização dos participantes e sobre o conhecimento e práticas a cerca das ferramentas de abordagem familiar. Participaram deste estudo, profissionais de nível superior que compõem as equipes da ESF de uma unidade básica de saúde. Os dados foram coletados em setembro de 2016.Utilizou-se a técnica de Análise de Conteúdo obtendo como resultado as categorias temáticas: conceito de família, foco da atenção, capacitação para trabalhar com famílias e conhecimento e prática sobre as ferramentas de abordagem familiar. Observou-se no estudo, que todos os profissionais eram do sexo feminino, tinham tempo médio de atuação na estratégia de 13 anos, a maioria dos participantes possuía curso de especialização em saúde da família. Os profissionais, apresentaram de forma predominante, um conceito de família não restrito a consanguinidade, relataram que, apesar de atentarem para as famílias, na prática o foco da atenção ainda é o indivíduo, informaram que na formação e nos treinamentos posteriores, não tiveram conteúdos que contemplassem a avaliação familiar, quanto ao conhecimento e utilização das ferramentas de abordagem: genograma, ecomapa e ciclo vital familiar, todos afirmaram desconhecer e não utilizar as referidas ferramentas. O estudo indica a necessidade de qualificação e instrumentalização dos profissionais quanto a importância e utilização das ferramentas de abordagem familiar, o que poderá suprir as fragilidades identificadas, contribuindo para a melhoria da atenção e cuidado às famílias e comunidades.
Abstract: The Family Health Strategy (FHS), reorganizing axis of the Unified Health System, recommends in its actions that the health teams, among other things, to target the focus of attention for families and use technology / appropriate tools to work with families. The purpose of this study was to understand the practice of FHS professionals in the perspective of the use of family approach tools. This is a descriptive study with a qualitative approach. The empirical material was obtained through semi-structured interviews with characterization of questions of the participants and the knowledge and practices about the family approach tools. Graduated professionals attended the study who compose the FHS teams in a health facility. Data were collected in September 2016. The technique of Content Analysis was used, resulting in thematic categories: the concept of family, focus of attention, training to work with families and knowledge and practice of the family approach tools. It was observed in the study that all the professionals were female, had average time of action in the strategy of 13 years, most of the participants had a specialization course in family health. Professionals showed the predominant form, a concept of family is not restricted to consanguinity, they reported that although hearken to families, in practice the focus of attention is still the individual reported that the training and further training, were not content that addressed the family assessment, as the knowledge and use of tools approach: genogram, ecomap and family life cycle, all said to ignore and not use such tools. The study indicates the need for qualification and instrumentalization of professionals and the importance and use of familiar tools approach, which could address the identified weaknesses, contributing to the improvement of attention and care to families and communities.
Palavras-chave: Estratégia Saúde da Família
Ferramentas de abordagem Familiar
Atenção Primária em Saúde
Family Health Strategy
Family approach tools
Primary Health Care
Área(s) do CNPq: Enfermagem de Saúde Pública
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal do Maranhão
Sigla da instituição: UFMA
Departamento: DEPARTAMENTO DE ENFERMAGEM/CCBS
Programa: PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM REDE - REDE NORDESTE DE FORMAÇÃO EM SAÚDE DA FAMÍLIA/CCBS
Citação: SILVA, Cláudia Portela e. Conhecimento e práticas dos profissionais da Estratégia Saúde da Família sobre as ferramentas de abordagem familiar. 2016. 63 f. Dissertação ( Mestrado Profissional em Saúde da Família) - Universidade Federal do Maranhão, São Luís, 2016.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tedebc.ufma.br:8080/jspui/handle/tede/1447
Data de defesa: 26-Oct-2016
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO DE MESTRADO - REDE NORDESTE DE FORMAÇÃO EM SAÚDE DA FAMÍLIA

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ClaudiaPortelaSilva.pdfDissertação2,14 MBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.