???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tedebc.ufma.br/jspui/handle/tede/tede/1114
Tipo do documento: Dissertação
Título: A ADOLESCENTE E SUA CONSULTA GINECOLÓGICA
Título(s) alternativo(s): The adolescent and his / her gynecological appointments
Autor: Krogh, Erika
Primeiro orientador: SILVA, Raimundo Antonio da
Resumo: Introdução: A consulta ginecológica na adolescência é geralmente cercada de ansiedade e desconhecimento para a adolescente. A falta de informação e o medo das novas descobertas fazem com que a adolescente protele esta primeira consulta. Objetivo: Identificar motivações determinantes para a consulta ginecológica na adolescência. Método: Foram aplicados questionários, na forma de entrevista, em 45 adolescentes do sexo feminino, de 10 a 19 anos , para avaliar aspectos relacionados ao conhecimento e informação das adolescentes sobre o ginecologista e a consulta ginecológica no período de janeiro a maio de 2008. As participantes foram escolhidas aleatoriamente, dentre as freqüentadoras do Adolescentro Vila Embratel. Resultados: A média de idade das adolescentes foi de 14,5 anos. A idade média que as pacientes buscaram atendimento ginecológico foi 12,9 anos. A menarca ocorreu entre 10 a 12 anos para a maior parte das adolescentes. Aproximadamente 78% das entrevistadas não iniciaram vida sexual e 55,6% conheciam a área em que atuava o ginecologista, sendo que somente 37,8% já compareceram a uma consulta ginecológica. A iniciativa de procurar atendimento ginecológico partiu das mães em 82,4% dos casos. O motivo de busca pelo ginecologista mais citado foi rotina ginecológica. Quanto as DST s e os métodos anticoncepcionais, as adolescentes que já foram a consulta, referiram conhecê-los em 100% e 70,6% respectivamente. Conclusão: Concluiu-se neste trabalho que a procura pela consulta ginecológica por iniciativa da adolescente ainda é muito baixa, sendo a mãe o fator determinante para essa busca. Quanto maior o nível de escolaridade, a renda familiar e o conhecimento das DST s, maior é a procura pelo atendimento ginecológico.
Abstract: Introduction: A gynecological appointment in adolescence is usually surrounded by anxiety and ignorance for an adolescent. The lack of information and fear of new discoveries make that the adolescent delayed this first consultation. Objective: To identify determinant motivations for a gynecological appointment in adolescence. Method: Questionnaires were applied in the form of interview, in 45 female adolescents from 10 to 19 years in order to evaluate aspects related to knowledge and information to adolescents about the gynecologist and a gynecological appointment in the period from January to May of 2008. The participants were chosen at random from among the participants of Adolescentro - Vila Embratel. Results: The average age of adolescents was 14.5 years. The average age that patients seek medical care was 12.9 years. The menarche occurred between 10 to 12 years for most teenagers. Approximately 78% of the interviewees did not start sex life and 55.6% knew the area in which the gynecologist served, whereas only 37.8% had attended a gynecological consultation. The initiative of seeking medical care comes from the mothers in 82.4% of cases. The most quoted reason for the search by the gynecologist was routine gynecological. As the DST's and contraceptive methods, the adolescents who had a consultation, said to meet them at 100% and 70.6% respectively. Conclusion: It was concluded in this work that the demand for consultation on the initiative of a teenager is still very low, being the mother the determining factor for this search. The higher the education level, the family income and the knowledge of STD's, the greater the demand for a gynecological appointment.
Palavras-chave: Adolescente
Consulta ginecológica
Ginecologista
Família
Adolescent
Gynecological consultation
Gynecologist
Family
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::MEDICINA::SAUDE MATERNO-INFANTIL
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Federal do Maranhão
Sigla da instituição: UFMA
Departamento: saúde da mulher e saúde materno-infantil
Programa: PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM SAÚDE MATERNO-INFANTIL
Citação: KROGH, Erika. The adolescent and his / her gynecological appointments. 2008. 53 f. Dissertação (Mestrado em saúde da mulher e saúde materno-infantil) - Universidade Federal do Maranhão, São Luis, 2008.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tedebc.ufma.br:8080/jspui/handle/tede/1114
Data de defesa: 25-Oct-2008
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO DE MESTRADO - PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM SAÚDE MATERNO-INFANTIL

Files in This Item:
File SizeFormat 
Erika Krogh.pdf136,29 kBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.