???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tedebc.ufma.br/jspui/handle/tede/tede/1020
Tipo do documento: Dissertação
Título: AVALIAÇÃO SUBJETIVA GLOBAL PRODUZIDA PELO PACIENTE E SOBREVIVÊNCIA: estudo em hospital de referência em câncer de São Luís (MA)
Título(s) alternativo(s): Subjective global assessment produced by the patient and survival: study in a referral hospital for cancer São Luís (MA)
Autor: Santos, Alexsandro Fereira dos 
Primeiro orientador: CHEIN, Maria Bethânia da Costa
Resumo: Introdução: No Brasil, a prevalência de desnutrição em pacientes internados com câncer é de 45,1%, o agravo associa-se a desfechos negativos. Poucos estudos verificaram a associação da Avaliação Subjetiva Global Produzida pelo Paciente (ASGPPP) como indicador de mortalidade, sendo que nenhum conseguiu associálos. Objetivo: Analisar a associação existente entre o escore da ASGPPP e a mortalidade em pacientes com câncer em hospital de referência em São Luís MA. Metodologia: Estudo transversal analítico com 366 fichas de pacientes oncológicos. Foram incluídos pacientes com 20 anos ou mais, internação superior a dois dias, aplicação de ASGPPP entre janeiro de 2010 a janeiro de 2014. Coletou-se idade, sexo, procedência, localização primária da doença, presença de metástase e tratamento oncológico, tempo de internação, tempo para aplicação da ASGPPP, desfecho (alta e óbito), escore da ASGPPP, perda de peso em 1 (%PP1) e em 6 (%PP6) meses, índice de massa corporal (IMC) e peso. Aplicaram-se os testes Qui- Quadrado, t de student / Man-Witney, regressão logística ajustada e não ajustada. Resultados: Prevaleceram mulheres (51,6%) acima de 59 anos (45,1%), procedentes de São Luís (48%), com tumores localizados no trato digestivo (27,6%), sem metástases (88,5%). A cirurgia foi o tratamento oncológico mais prevalente (27.9%) e as altas hospitalares (78,1%), os óbitos corresponderam a 21,9%. Ao menos 36.1% dos avaliados possuíam algum grau de desnutrição. Prevaleceram o tempo de aplicação da ASGPPP em até dez dias (72,7%) e o tempo de internação em até 11 dias (47,8%). O tempo de aplicação da ASGPPP correlacionou-se direta e positivamente com: tempo de internação, escore da ASGPPP e %PP1 e %PP6. O IMC correlacionou-se inversamente ao tempo de aplicação do instrumento. Após regressão logística ajustada, a presença de desnutrição manteve-se associada à mortalidade. A desnutrição associou-se a um aumento nas frequências de tempo de internação superior a cinco dias e o tempo de aplicação de ASGPPP em até cinco dias associou-se a uma redução destes mesmo casos. Já o tempo de internação superior a 10 dias, também se associou inversamente a aplicação da ASGPPP em até cinco dias (redução de 91% dos casos). Conclusão: Mais da metade dos pacientes não estavam desnutridos. A desnutrição pela ASGPPP associou-se à maior tempo de internação e mortalidade. A demora na aplicação da ASGPPP é um marcador de risco para o aumento do escore da ASGPPP, tempo de internação hospitalar e mortalidade. Medidas que visem à abreviação do tempo de aplicação da ASGPPP devem ser tomadas.
Abstract: Introduction: In Brazil, the prevalence of malnutrition in hospitalized patients with cancer is 45.1%, the injury is associated with negative outcomes. Few studies have investigated the association of Subjective Global Assessment Produced by the patient (ASGPPP) as indicator of mortality, and none could match them. Objective: To analyze the association between the score of ASGPPP and mortality in cancer patients in a referral hospital in Sao Luis - MA. Methods: A cross-sectional study with 366 records of cancer patients. We included patients aged 20 or more, hospitalization longer than two days, application ASGPPP between January 2010 to January 2014 was collected age, sex, origin, primary site of disease, metastasis and cancer treatment, time hospitalization, time to implement ASGPPP, outcome (discharge or death), score ASGPPP, weight loss in 1 (PP1%) and 6 (PP6%) months, body mass index (BMI) and weight. Were applied the chi-square test, Student t / Man-Witney, adjusted logistic regression and not adjusted. Results: prevailed women (51.6%) over 59 years (45.1%), coming from St. Louis (48%) with tumors located in the digestive tract (27.6%) without metastases (88.5% ). The surgery was the most prevalent cancer treatment (27.9%) and hospital discharge (78.1%), the deaths accounted for 21.9%. At least 36.1% of the individuals had some degree of malnutrition. Prevailed the time of application of ASGPPP within ten days (72.7%) and the length of stay up to 11 days (47.8%). The application time of ASGPPP correlated directly and positively with duration of hospital stay, the ASGPPP score and PP1% and PP6%. BMI correlated inversely to instrument the application time. After adjusted logistic regression, the presence of malnutrition remained associated with mortality. Malnutrition was associated with an increase in length of stay frequencies exceeding five days and the ASGPPP application time within five days was associated with a reduction in these same cases. But the length of stay greater than 10 days, also inversely associated with implementation of ASGPPP within five days (reduction of 91% of cases). Conclusion: More than half of the patients were not malnourished. Malnutrition by ASGPPP was associated with a longer hospital stay and mortality. The delay in implementing the ASGPPP is a risk marker for the increase in ASGPPP score, length of hospital stay and mortality. Measures aimed at shortening the ASGPPP the time of application should be taken.
Palavras-chave: avaliação nutricional
desnutrição
câncer.
nutritional evaluation
malnutrition
cancer.
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::NUTRICAO::ANALISE NUTRICIONAL DE POPULACAO
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Federal do Maranhão
Sigla da instituição: UFMA
Departamento: SAÚDE DO ADULTO E DA CRIANÇA
Programa: PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM SAÚDE DO ADULTO E DA CRIANÇA/CCBS
Citação: SANTOS, Alexsandro Fereira dos. Subjective global assessment produced by the patient and survival: study in a referral hospital for cancer São Luís (MA). 2015. 120 f. Dissertação (Mestrado em SAÚDE DO ADULTO E DA CRIANÇA) - Universidade Federal do Maranhão, São Luís, 2015.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tedebc.ufma.br:8080/jspui/handle/tede/1020
Data de defesa: 3-Mar-2015
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO DE MESTRADO - PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM SAÚDE DO ADULTO E DA CRIANÇA

Files in This Item:
File SizeFormat 
DISSERTACAO_ALEXSANDRO FERREIRA DOS SANTOS.pdf2,07 MBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.