???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tedebc.ufma.br/jspui/handle/tede/tede/2340
Tipo do documento: Dissertação
Título: EFEITO DO EXERCÍCIO ISOMÉTRICO EQUALIZADO EM DENSIDADE SOBRE AS RESPOSTAS HEMODINÂMICAS DE IDOSAS HIPERTENSAS.
Título(s) alternativo(s): EFFECT OF ISOMETRIC EXERCISE EQUALIZED IN DENSITY ON HEMODYNAMIC RESPONSES OF ELDERLY HYPERTENSIVE.
Autor: LEITE, Thiago Gomes 
Primeiro orientador: LEITE, Richard Diego
Primeiro membro da banca: LEITE, Richard Diego
Resumo: Introdução. O exercício isométrico tem se mostrado com grande potencial na redução da pressão arterial, entretanto principalmente para a população idosa hipertensa os efeitos das variáveis de treinamento, como densidade, ainda são controversos. Objetivo: Comparar os efeitos de dois diferentes protocolos de exercício isométrico, equalizados em densidade, sobre as respostas cardiovasculares agudas de idosas hipertensas medicamentas..Material e Método: Participaram do estudo treze (13) idosas hipertensas, que realizaram dois protocolos de exercícioisométrico equalizado em densidade. O Protocolo A: 4 séries de 2 minutos, intensidade de 30% de 1RM e intervalo de 2 minutos entre cada série (protocolo A); e o Protocolo Bque correspondeu a: 16 séries de 30 segundos, intensidade de 30% de 1RM e intervalo de 24 segundos entre cada série. Foram analisadas as seguintes variáveis: pressão arterial sistólica (PAS), diastólica (PAD), pressão arterial média (PAM) duplo produto (DP), frequência cardíaca (FC), percepção subjetiva de esforço (PSE) e concentração de nitrato e nitrito. Resultados: Foi observado uma elevação da PAS, PAM, FC e DP, no momento pós comparado com o momento pré-exercício. Na comparação das respostas entre os dois protocolos, observou-se uma maior elevação da PAS, PAD e FC no protocolo B. Não foi possível observar efeito hipotensor imediatamente após, em 1 hora e/ou 24 horas após as sessões de exercício. Em relação a variabilidade da frequência cardíaca, no domínio da frequência, o HF (High Frequence) apresentou uma redução após o protocolo B, e no domínio do tempo, o RMSSD apresentou redução após os dois protocolos. A concentração de nitrito e nitrato não sofreu alterações significativas após o exercício isométrico em nenhum dos protocolos. Conclusão: O exercício isométrico de menor pausa apresentou maiores respostas hemodinâmicas, apesar disso nenhum dos protocolos apresentarem efeito hipotensor. Fatores relacionados ao metabolismo como a concentração de nitrato e nitrito, assim como fatores relacionados ao sistema autonômico não apresentaram variações significativas sugestivas de efeito hipotensor.
Abstract: Introduction. Isometric exercise has been shown to have great potential in reducing blood pressure, but mainly for the hypertensive elderly population, the effects of training variables, such as density, are still controversial. Objective: To compare the effects of two different isometric exercise protocols, equalized in density, on the acute cardiovascular responses of elderly hypertensive patients. Material and Method: Thirteen (13) hypertensive elderly women participated in the study, who performed two exercise protocols equalized in density. Protocol A: 4 series of 2 minutes, intensity of 30% of 1RM and interval of 2 minutes between each series (protocol A); and Protocol B which corresponded to: 16 series of 30 seconds, intensity of 30% of 1RM and interval of 24 seconds between each series. The following variables were analyzed: systolic blood pressure (SBP), diastolic blood pressure (DBP), mean arterial pressure (MAP), heart rate (HR), subjective perception of effort (PSE) and nitrate and nitrite concentration. Results: An increase in SBP, MAP, FC and DP was observed at the post-momentum compared with the pre-exercise moment. In the comparison of the responses between the two protocols, a higher increase in SBP, DBP and HR was observed in protocol B. It was not possible to observe a hypotensive effect immediately after, at 1 hour and / or 24 hours after the exercise sessions. In relation to heart rate variability, in the frequency domain, the HF (High Frequency) showed a reduction after the B protocol, and in the time domain, the RMSSD presented reduction after the two protocols. The concentration of nitrite and nitrate did not change significantly after isometric exercise in any of the protocols. Conclusion: The isometric exercise of lower pause presented greater hemodynamic responses, although none of the protocols presented hypotensive effect. Factors related to metabolism such as nitrate and nitrite concentration, as well as factors related to the autonomic system did not present significant variations suggestive of hypotensive effect.
Palavras-chave: Hipertensão; Idosas Treinamento Isométrico; densidade
Hypertension; Elderly; Isometric Training; density
Área(s) do CNPq: Educação Física.
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal do Maranhão
Sigla da instituição: UFMA
Departamento: DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS FISIOLÓGICAS/CCBS
Programa: PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS DA SAÚDE/CCBS
Citação: LEITE, Thiago Gomes. Efeito do exercício Isométrico Equalizado em densidade sobre as respostas hemodinâmicas de idosas hipertensas.. 2018. 76 folhas. Dissertação( Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde/CCBS) - Universidade Federal do Maranhão, São Luís.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tedebc.ufma.br/jspui/handle/tede/tede/2340
Data de defesa: 16-Mar-2018
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO DE MESTRADO - PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS DA SAÚDE

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Thiago Gomes Leite.pdfDissertação de Mestrado.1,1 MBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.