???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tedebc.ufma.br/jspui/handle/tede/tede/2213
Tipo do documento: Tese
Título: Desenvolvimento e aplicação de Elisa indireto com peptídeo sintético p-p27 e ensaios moleculares para o diagnóstico da Leucemia viral felina (FeLV)
Título(s) alternativo(s): Development and application of indirect Elisa with synthetic peptide p-p27 and molecular assays for the diagnosis of feline viral leukemia (FeLV)
Autor: MARTINS, Nathálya dos Santos 
Primeiro orientador: SILVA, Ana Lúcia Abreu
Primeiro membro da banca: REIS, Jenner Karlisson Pimenta
Segundo membro da banca: BOEIRO, Paulo Vitor
Terceiro membro da banca: SÁ, Joicy Cortez de
Quarto membro da banca: SOUSA, Alana Lislea de
Resumo: O vírus da leucemia felina (FeLV) pertence à família Retroviridae, gênero Gammaretrovirus. A proteína do core viral p27 é produzida em alta quantidade nas células infectadas, sendo encontrada no citoplasma e fluidos corporais. Embora os testes diagnósticos sejam de alta sensibilidade, deve-se realizar mais de um teste para confirmação, principalmente os sorológicos, devido a característica variável do progresso da infecção. Os objetivos desta pesquisa foram desenvolver e padronizar um ELISA indireto utilizando um peptídeo sintético p-p27 baseado no gene gag para o diagnóstico da leucemia viral felina (FeLV) e avaliar co-infecções. Para detecção do antígeno p27 do FeLV e anticorpos para FIV, 80 amostras foram testadas com kit comercial de ensaio imunoenzimático rápido FIV/FeLV Test kit (AlereTM) e confirmados por (ELISA - SNAP® Combo FeLV/FIV). Amostras de fezes foram submetidas a testes para detecção do antígeno da panleucopenia e coronavírus felino utilizando kits comerciais Panleucopenia Felina Ag Test Kit e Coronavirose Felina Ag Test Kit (Alere TM). Para confirmação da presença do DNA proviral foi realizada reação em cadeia da polimerase (PCR) para amplificação de um fragmento alvo de 450, 235 e 166pb do gene gag do FeLV. Os subtipos do FeLV foram identicados por meio da nested-PCR para FeLV-A, B e C. Os resultados mostram que do total de 80 amostras examinadas, 5,0% (4/80) eram positivas para FeLV, 15% (12/80) para FIV, 2,50% (2/80) para coronavirus e 0% (0/80) para panleucopenia. Infecção concomitante (FIV/FeLV) foi observada em 1,25% (1/80) dos animais. Os principais sinais clínicos observados foram: halitose, salivação intensa, gengivoestomatite, faringite, sangramento oral, ulcerações em porção dorsal e lateral da língua, lesões em arco glossopalatino, caquexia, letargia, diarreia e co-infecções (sinais respiratórios), além de alterações reprodutivas (hidrossalpingite e congestão uterina), nefropatia e hepatopatia. A nested PCR revelou que as quatro amostras positivas para FeLV amplificaram para os subtipos A e B, demonstrando uma combinação AB e nenhuma para o subtipo C e/ou ABC. A análise filogenética identificou similaridade (78% de bootstrap) para FeLV-AB, aos subtipos ocorrentes na Ásia oriental (Japão) e sudeste da Ásia (Malaysia), demonstrando ser um subtipo altamente variável geneticamente, caracterizando um subtipo circulante com genótipo diferenciado. O ELISA indireto foi desenvolvido com um peptídeo solúvel linear com 16 resíduos de aminoácidos, o pp27 foi eficiente em detectar anticorpos anti-FeLV em felinos naturalmente infectados, podendo ser uma ferramenta auxiliar no diagnóstico.
Abstract: Feline Leukemia Virus belongs to Retroviridae Family, gender Gammaretrovirus. The viral protein p27 is highly produced in the infected cells, and is found in the cytoplasm and corporal fluids. Although diagnostic tests are highly sensitive, is necessary to perform more than one test to confirm the infection, mainly serological ones, due to the variable characteristic of the progress of the infection. The aim of this work was to develop and standardize an indirect ELISA using a synthetic peptide p-p27, based on gag gene for the diagnosis of Feline Leukemia Virus (FeLV) and to evaluate coinfections. For the detection of FeLV antigen p27 and FIV antibodies, 80 samples were tested with a commercial kit (FIV/FeLV Test kit -AlereTM) and confirmed with ELISA (ELISA - SNAP® Combo FeLV/FIV). Stool samples were used for the detection of antigens for panleukopenia and feline coronavirus (Panleucopenia Felina Ag Test Kit and Coronavirose Felina Ag Test Kit (Alere TM). To confirm the presence of proviral DNA, a polymerase chain reaction was performed, for amplification of fragments of 450, 235 and 166 bp of FeLV gag gene. FeLV subtypes were detected through nestedPCR. Results showed that, of the 80 samples, 4 (5%) were positive for FeLV, 12 (15%) for FIV, 2 (2,5%) for Coronavirus and none for panleukopenia. The main clinical signs observed were: halitosis, intense salivation, gingivostomatitis, pharyngitis, oral bleeding, ulcerations on the dorsal and lateral portions of the tongue, glossopalatine arch lesions, cachexia, lethargy, diarrhea and co-infections (respiratory signs) (hydrosalpingitis and uterine congestion), nephropathy and liver disease. Nested-PCR revealed that the four FeLV positive samples amplified for subtypes A and B, demonstrating an AB combination and none for subtype C and / or ABC. Phylogenetic analysis identified a similarity (78% bootstrap) for FeLV-AB, to subtypes occurring in East Asia (Japan) and Southeast Asia (Malaysia), demonstrating that it is a highly genetically variable subtype, characterizing a circulating subtype with a differentiated genotype. The indirect ELISA was developed with a linear soluble peptide with 16 amino acid residues. p-p27 was efficient in detecting anti-FeLV antibodies in naturally infected felines and could be an auxiliary tool in the diagnosis.
Palavras-chave: Vírus da leucemia felina
Reação em cadeia da polimerase
ELISA
Subtipos
Peptídeo sintético
Feline leukemia
Polymerase chain reaction
ELISA
Subtypes
Synthetic peptide
Área(s) do CNPq: Farmacologia e Terapêutica Animal
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal do Maranhão
Sigla da instituição: UFMA
Departamento: DEPARTAMENTO DE BIOLOGIA/CCBS
Programa: PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BIOTECNOLOGIA - RENORBIO/CCBS
Citação: MARTINS, Nathálya dos Santos. Desenvolvimento e aplicação de Elisa indireto com peptídeo sintético p-p27 e ensaios moleculares para o diagnóstico da Leucemia viral felina (FeLV). 2018. 10 p. Tese( PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BIOTECNOLOGIA - RENORBIO/CCBS) - Universidade Federal do Maranhão, São Luís.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tedebc.ufma.br/jspui/handle/tede/tede/2213
Data de defesa: 21-Mar-2018
Appears in Collections:TESE DE DOUTORADO - PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BIOTECNOLOGIA/RENORBIO

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
NathalyadosSantosMartins.pdfPáginas pré-textuais209,81 kBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.