???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tedebc.ufma.br/jspui/handle/tede/tede/2030
Tipo do documento: Dissertação
Título: O usuário idoso e as interfaces de autoatendimento bancário: estudo de caso com um banco brasileiro
Título(s) alternativo(s): The elderly user and the banking self-service interfaces: a case study with a Brazilian bank
Autor: CASTRO, Erika Veras de 
Primeiro orientador: CAMPOS, Lívia Flávia de Albuquerque
Primeiro membro da banca: PASCHOARELLI, Luis Carlos
Segundo membro da banca: ZANDOMENEGHI, Ana Lúcia Alexandre de Oliveira
Terceiro membro da banca: SOARES NETO, Carlos Salles
Resumo: Há atualmente uma grande preocupação com a população idosa, visto que atualmente existe uma característica acentuada, que é a ausência de percepção do idoso na sociedade e a consequente despreocupação com seus bloqueios e suas restrições. Dentre os diversos bloqueios, um dos que mais crescem com o avanço da tecnologia é o da interação com as interfaces de diversos tipos de dispositivos, particularmente nos caixas de autoatendimento, cujos elementos interfaciais não satisfazem, de algum modo, o usuário idoso durante sua utilização. O objetivo principal desta pesquisa é analisar a interação da interface do caixa de autoatendimento de um banco brasileiro, considerando a percepção de indivíduos idosos da cidade de São Luís, no Maranhão. Para avaliar a interação, foi proposta uma metodologia que foi realizada com base na abordagem do design participativo e dividiu-se em três situações, sendo elas a exploração inicial, o processo de descoberta e a prototipação. Para atingir resultados, aplicaram-se técnicas como questionários, grupos focais e testes de usabilidade utilizando um protótipo de papel com o propósito de validar a hipótese sugerida, e com isso geraram-se resultados e requisitos para a adequação de elementos presentes nessas interfaces. Os principais resultados alcançados foram a identificação das principais tarefas realizadas que são saque e consulta de saldo. Outro resultado alcançado foi a identificação das principais dificuldades de interação, nas quais observou-se que a maior delas foi o tempo curto da passagem das telas, e a partir do teste com o protótipo, observou-se que os posicionamentos de alguns itens não são satisfatórios para os indivíduos.
Abstract: There is currently a great concern with the aging population, as there is a striking present aspect, which is the lack of perception of the elderly in society and the consequent indifference to their hindrances and restrictions. Amongst these various hindrances, one that grows the most with the advancement of technology is the one pertaining to the interaction with the interfaces of several types of devices; in particular in self-service ATMs, whose interfacial elements somehow do not satisfy the elderly user during their operations. The main objective of this research is to analyze the interactive aspects of a self-service ATM interface of a Brazilian bank, considering the perception of elderly individuals in the city of São Luís, Maranhão. To evaluate the interaction, the proposed methodology to be carried out was based on the participative design approach and was divided in three situations, these being the initial exploration, the discovery process and the prototyping. In order to achieve results, techniques such as questionnaires, focus groups and usability tests were employed using a paper prototype with the purpose of validating the suggested hypothesis, and thus results and requirements were generated for the adequacy of elements present in these interfaces. The main results achieved were the identification of the main executed tasks, which are withdrawal and balance consultation. Another result was the identification of the main interactive difficulties, in which it was observed that the biggest one was the short time of the transition of the screens, and, through the test with the prototype, it was detected that the placements of some items are not satisfactory for the users.
Palavras-chave: Autoatendimento
Idoso
Design
Interface
Usabilidade
Self-service
Elderly people
Usability
Área(s) do CNPq: Desenho de Produto
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal do Maranhão
Sigla da instituição: UFMA
Departamento: DEPARTAMENTO DE DESENHO E TECNOLOGIA/CCET
Programa: PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DESIGN/CCET
Citação: CASTRO, Erika Veras de. O usuário idoso e as interfaces de autoatendimento bancário: estudo de caso com um banco brasileiro. 2017. 148 f. Dissertação (Mestrado em Design) - Universidade Federal do Maranhão, São Luís, 2017.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tedebc.ufma.br/jspui/handle/tede/tede/2030
Data de defesa: 27-Apr-2017
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO DE MESTRADO - PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DESIGN

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ErikaCastro.pdfDissertação10,86 MBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.