???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tedebc.ufma.br/jspui/handle/tede/tede/1647
Tipo do documento: Dissertação
Título: ANÁLISE DE ATUAÇÃO ODONTOLÓGICA E PERFIL DOS PACIENTES DA CLINICA MÉDICA EM UM HOSPITAL UNIVERSITÁRIO DO SISTEMA DE SAÚDE PÚBLICA DO BRASIL
Título(s) alternativo(s): ANALYSIS OF DENTAL ACTIVITIES AND PROFILES OF MEDICAL CLINIC PATIENTS IN A UNIVERSITY HOSPITAL OF THE PUBLIC HEALTH SYSTEM OF BRAZIL
Autor: MACEDO, Maurício Pereira 
Primeiro orientador: LOPES, Fernanda Ferreira
Resumo: A Odontologia Hospitalar é a área de atuação que visa ao atendimento de pacientes com condições sistêmicas alteradas, com prática altamente especializada através de ações preventivas, diagnósticas, terapêuticas e paliativas em saúde bucal, executadas em ambiente hospitalar, inserido em equipe multidisciplinar. No Brasil, esta inserção vem sendo discutida nos últimos anos no âmbito clínico, científico e político nacional, sendo relacionada a uma maior expectativa de sobrevida dos pacientes, à possível redução das infecções hospitalares, tempo de internação, gastos hospitalares, e diferenciação na assistência integral dos mesmos. Em 2004, com a Política Nacional de Saúde Bucal (PNSB), visava-se à ampliação das ações de saúde bucal nos diferentes níveis de atenção, integralmente. Em 2012, Projeto de Lei nº363 tornava obrigatória a prestação de assistência odontológica a pacientes em internação hospitalar e aos portadores de doenças crônicas. E esta inserção foi reforçada pela Resolução do Conselho Federal de Odontologia (CFO) Nº 162 de 2015. Atualmente, apesar de grande parte dos pacientes internados está desprovida de ações em saúde bucal nos hospitais brasileiros, a atuação odontológica neste âmbito está em crescente estruturação. Este estudo tem o propósito de analisar a atuação odontológica e caracterizar o perfil dos pacientes que foram atendidos pelo residente odontólogo nos anos de 2012 e 2013 na Clínica Médica de Hospital Universitário do Sistema de Saúde Pública do Brasil. Através do resgate dos prontuários odontológicos, foram coletados dados sobre as características gerais, alterações sistêmicas, informações odontológicas, hábitos de vida e frequências, situação bucal no primeiro atendimento, e tratamentos odontológicos. A maioria dos pacientes atendidos escovavam os dentes menos que 3 vezes ao dia (54,3%) e relataram não utilizar o fio dental(85,7%), destacando-se a presença de biofilme (73,3%) e cálculo dental (70,5%). A alteração bucal prevalente foi estomatite protética (8,6%), seguidos de lesão ulcerativa (2,9%) e leucoplasia (2,9%). Dentre os pacientes atendidos, destacou-se o uso de próteses (25, 7%), sendo a maioria do tipo total (12,4%) e que apresentaram higiene deficiente (14,3%). Previamente à internação, foi considerável a quantidade de pacientes atendidos que havia se submetido a nenhum tipo de tratamento (15,2%) e que relataram ter passado por experiência odontológica negativa (15,2%). Verificou-se predominância de pacientes com o motivo da consulta odontológica por consulta de rotina (78,1%), sendo a Cardiologia (21%) a principal especialidade de origem do total de pacientes atendidos. Do total de condutas e procedimentos odontológicos registrados nas fichas clínicas do nosso estudo, verificaram-se orientações de higiene bucal (59%) e encaminhamentos externos (1,9%); e destacaram-se ix terapia periodontal básica (71,4%), seguidos de exodontia (39%). O perfil atendido predominante é de pacientes hipertensos (37,1%) e com problema cardíaco (34,3%). Os resultados demonstram que os pacientes da Clínica Médica atendidos apresentaram necessidades prementes no que tange a autocuidados de saúde bucal e orientações quanto aos cuidados com as próteses. A atuação odontológica foi fundamental através de promoção de saúde bucal, destacando-se a Orientação de Higiene Bucal e Terapia Periodontal Básica. A caracterização do perfil predominante do paciente atendido sugere a necessidade de estratégias para lidar com fatores de risco comuns e prevenção de doenças crônicas não transmissíveis. Além disso, há necessidade de maior inter-relação entre os profissionais, e melhor acompanhamento dos encaminhamentos externos dos tratamentos, incluindo melhor registro de dados. Tudo isto ratifica a importância do atual e crescente campo de atuação do cirurgião-dentista em ambiente hospitalar.
Abstract: The Hospital Dentistry is the area of activity that is aimed at treating patients with altered systemic conditions with highly specialized practice through preventive, diagnostic, therapeutic and palliative actions in oral health, performed in a hospital environment, inserted in a multidisciplinary team. In Brazil, this insertion has been discussed in recent years in the clinical, scientific and national context, being related to a greater expectation of patient survival, possible reduction of hospital infections, hospitalization time, hospital expenses, and differentiation in integral care of the same. In 2004, the National Oral Health Policy (PNSB), aimed to the expansion of oral health actions in the different levels of care in full. In 2012, Bill nº363 made it mandatory to provide dental care to patients hospitalized and to patients with chronic diseases. And this insertion was reinforced by Resolution of the Federal Council of Dentistry (CFO) nº 162 of 2015. Currently, although most of hospitalized patients is devoid of oral health practices in Brazilian hospitals, dental work in this area is under increasing structuring. This study aims to analyze the dental operation and characterize the profile of patients who were treated by the resident dentist in years 2012 and 2013 in the Medical Clinic of the University Hospital of the Public Health System in Brazil. Through the retrieval of dental records, data were collected on the general characteristics, systemic changes, dental information, lifestyle and frequencies, oral situation in primary care, and dental care. Most patients treated brushed their teeth less than 3 times a day (54.3%) and reported no use dental floss (85.7%), highlighting the presence of biofilm (73.3%) and dental calculus (70.5%). The frequent oral change was denture stomatitis (8.6%), followed by ulcerative lesions (2.9%) and leukoplakia (2.9%). Among the patients treated, it highlight the use of prostheses (25, 7%), and most of all type (12.4%) and had poor hygiene (14.3%). Prior to admission, it was considerable amount of patients seen who had undergone any treatment (15.2%) and who reported had been negative dental experience (15.2%). There was a predominance of patients with the reason for the dental appointment for routine consultation (78.1%) and cardiology (21%) the main specialty of origin of all patients seen. Of total dental conduct and procedures recorded in the medical records of our study, there were oral hygiene guidelines (59%) and referral (1.9%); and they stood out basic periodontal therapy (71.4%), followed by extraction (39%). The predominant attended profile of hypertensive patients (37.1%) and heart problems (34.3%). The results demonstrate that the patients of the Medical Clinic attended had urgent needs relate to self-care of oral health and guidelines regarding care with the prostheses. The dental work was fundamental through oral xi health promotion, emphasizing the Oral Hygiene Guidance and Basic Periodontal Therapy. The characterization of the predominant profile of attended patients suggests the need for strategies to address common risk factors and prevention of chronic non communicable diseases. Moreover, there is need for greater inter-relationship between professionals, and better monitoring of external referrals of treatments, including better data record. All this ratifies the importance of the current and growing field of action of the dental surgeon in hospital environment.
Palavras-chave: Hospitalização; Saúde Bucal; Perfil de Saúde; Assistência Odontológica Integral
Hospitalization; Oral Health; Health Profile; Comprehensive Dental Care
Área(s) do CNPq: Odontologia Social e Preventiva
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal do Maranhão
Sigla da instituição: UFMA
Departamento: DEPARTAMENTO DE ODONTOLOGIA II/CCBS
Programa: PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ODONTOLOGIA/CCBS
Citação: MACEDO, Maurício Pereira. ANÁLISE DE ATUAÇÃO ODONTOLÓGICA E PERFIL DOS PACIENTES DA CLINICA MÉDICA EM UM HOSPITAL UNIVERSITÁRIO DO SISTEMA DE SAÚDE PÚBLICA DO BRASIL. 2016. [64 folhas]. Dissertação( PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ODONTOLOGIA/CCBS) - Universidade Federal do Maranhão, [São Luís] .
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tedebc.ufma.br:8080/jspui/handle/tede/1647
Data de defesa: 20-Dec-2016
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO DE MESTRADO - PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ODONTOLOGIA

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Mauricio Pereira.pdfDissertação de Mestrado994,48 kBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.