???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tedebc.ufma.br/jspui/handle/tede/tede/1531
Tipo do documento: Dissertação
Título: Tratamentos químico e biológico para melhorar a qualidade de volumosos para ruminantes
Autor: Silva, Ivone Rodrigues da 
Primeiro orientador: SHIGAKI, Francirose
Primeiro coorientador: Rodrigues, Rosane Cláudia
Resumo: Objetivou-se, avaliar o valor nutritivo do feno da haste da mandioca amonizado com ureia e da silagem de cana-se-açúcar inoculada com aditivos bacterianos. Para a avaliação do feno da haste da mandioca amonizado adotou-se o delineamento inteiramente casualizado, com cinco tratamentos (níveis de ureia 0; 2; 4; 6 e 8% da matéria seca, MS) e cinco repetições (sacos para tratamento químico). Na avaliação da silagem de cana-de-açúcar, adotou-se o delineamento inteiramente casualizado em arranjo fatorial 3 x 3 (períodos de fermentação 10; 60 e 90 dias x adição de inoculante Propionibacterium acidipropionici ou Lactobacillus buchnerie não inoculada). Analisou-se o teor de MS, proteína bruta (PB), fibra em detergente neutro (FDN), fibra em detergente ácido (FDA), nitrogênio insolúvel em detergente neutro (NIDN), hemicelulose (HEM), lignina, cinzas; e degradabilidade ruminal, quanto aos parâmetros de degradação ruminal a, b e c, degradação potencial e degradabilidade efetiva da MS. O feno da haste da mandioca apresentou menor teor de MS e maior teor de PB no nível de 8% de ureia. Os teores de NIDN, FDN, FDA e lignina, diminuíram à medida que foi aumentado o nível de ureia no material. Para os parâmetros de degradação, a fração solúvel em água (a) aumentou a partir do nível de 4% de ureia e a fração b apresentou maior valor para os níveis 4, 6 e 8 % de ureia. A degradação potencial (A) foi superior para o nível de 4% de ureia, a degradabilidade efetiva nas taxas de passagem de 2, 5 e 8%/hora, foi superior o nível de 6% de ureia. Para a silagem de cana-de-açúcar, o período de 90 dias apresentou menor média de pH, entre os períodos de fermentação, apenas na silagem sem aditivo ocorreu redução no teor de matéria seca com período de 90 dias. O teor de PB não foi influenciado (P>0,05) pelo período de fermentação e aditivo microbiano. A bactéria P. acidipropionici proporcionou menor teor de FDN no período de 10 dias. Não houve diferença (P>0,05) para os teores de HEM e FDA e lignina. As silagens com a bactéria P. acidipropionici apresentaram maior fração solúvel, degradação potencial e degradabilidade efetiva aos 10 dias de fermentação, aos 60 dias não houve variação na fração solúvel, mas a silagem controle apresentou maior fração insolúvel, maior degradação potencial e degradabilidade efetiva. Aos 90 dias de fermentação, as silagens com L. buchneri apresentaram maior fração a, taxa de degradação e DE, o tratamento controle obteve maior valor de b. A amonização do feno da haste da mandioca melhora a composição química, sendo recomendado nível de 6 a 8% de ureia, na MS, no entanto, apresentou baixos níveis de degradação ruminal. Os inoculantes foram eficientes em manter os teores de MS das silagens, no entanto, não alteraram a degradação.
Abstract: The objective of this study was to evaluate the nutritive value of the hay of the cassava stalk with urea and sugar cane silage inoculated with bacterial additives. To the A randomized complete design with five treatments (urea levels 0, 2, 4, 6 and 8% of dry matter, DM) and five replicates (bags for chemical treatment) was used. In the evaluation of sugarcane silage, the design was completely randomized in a factorial arrangement 3 x 3 (fermentation periods 10, 60 and 90 days x addition of inoculant Propionibacterium acidipropionici or Lactobacillus buchnerie not inoculated). The content of DM, crude protein (PB), neutral detergent fiber (NDF), acid detergent fiber (FDA), neutral detergent insoluble nitrogen (NIDN), hemicellulose (HEM), lignin, ashes; And ruminal degradability, regarding ruminal degradation parameters a, b and c, potential degradation and effective degradability of DM. Cassava stem hay presented lower DM content and higher CP content at the 8% level of urea. The levels of NIDN, NDF, FDA and lignin decreased as the level of urea in the material was increased. For the degradation parameters, the water soluble fraction (a) increased from the 4% level of urea and fraction b presented higher values ​​for levels 4, 6 and 8% of urea. Potential degradation (A) was higher at the 4% level of urea, the effective degradability at the rates of 2, 5 and 8% / hour, was higher than the 6% level of urea. For the sugarcane silage, the period of 90 days presented a lower pH mean, between the fermentation periods, only in the silage without additive there was a reduction in the dry matter content with a period of 90 days. The CP content was not influenced (P> 0.05) by the fermentation period and microbial additive. The bacterium P. acidipropionici provided a lower NDF content in the period of 10 days. There was no difference (P> 0.05) for the contents of HEM and FDA and lignin. The silages with the bacterium P. acidipropionici presented higher soluble fraction, potential degradation and effective degradability at 10 days of fermentation, at 60 days there was no variation in the soluble fraction, but the control silage presented higher insoluble fraction, greater potential degradation and effective degradability. At 90 days of fermentation, the silages with L. buchneri presented higher fraction a, rate of degradation and DE, the control treatment obtained higher value of b. Cassava stem hay ammoniation improves the chemical composition and is recommended at 6 to 8% urea level in DM. However, it presented low levels of ruminal degradation. The inoculants were efficient in maintaining the DM contents of the silages, however, they did not alter the degradation.
Palavras-chave: Composição química
Degradação
Inoculante
Ureia
Chemical composition
Degradation
Inoculant
Área(s) do CNPq: Avaliação de Alimentos para Animais
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal do Maranhão
Sigla da instituição: UFMA
Departamento: COORDENACAO DO CURSO DE ZOOTECNIA/CCAA
Programa: PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA ANIMAL (25.06)/CCAA
Citação: SILVA, Ivone Rodrigues. Tratamentos químico e biológico para melhorar a qualidade de volumosos para ruminantes. 2017. 52 f. Dissertação (Programa de Pós-Graduação em Ciência Animal) - Universidade Federal do Maranhão, Chapadinha, 2017.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tedebc.ufma.br:8080/jspui/handle/tede/1531
Data de defesa: 17-Feb-2017
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO DE MESTRADO - PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA ANIMAL

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
IvoneSilva.pdfDissertação569,35 kBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.