???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tedebc.ufma.br/jspui/handle/tede/tede/1173
Tipo do documento: Dissertação
Título: DIFERENÇA DA MORTALIDADE ENTRE OS SEXOS APÓS CIRURGIA DE REVASCULARIZAÇÃO DO MIOCARDIO
Título(s) alternativo(s): DIFFERENCE OF THE MORTALITY BETWEEN THE SEXES AFTER CABG SURGERY
Autor: Coutinho, Léa Barroso 
Primeiro orientador: FIGUEIREDO NETO, José Albuquerque de
Resumo: Objetivo: Comparar a morbimortalidade de homens e mulheres submetidos à cirurgia de revascularização isolada e identificando fatores relacionados as diferenças eventualmente encontradas. Métodos: Estudo de Coorte retrospectivo realizado com 215 pacientes, submetidos a cirurgia de revascularização miocárdica isolada, consecutivamente, de janeiro de 2007 a dezembro de 2008. Resultados: As mulheres apresentaram idade media mais elevada. Baixa superfície corpórea e dislipidemia foram mais prevalentes nas mulheres (1,65 vs 1,85, p<0,001: 53% vs 30%, p=0,001), enquanto história de tabagismo e infarto do miocárdio prévio foram mais prevalentes nos homens (35% vs 14,7%p=0,001; 20% vs 2,7%, p=0,007). Em relação às complicações no pós-operatório, houve maior taxa de transfusão de hemoderivados nas mulheres. A taxa de mortalidade geral foi de 5,6%, no entanto não houve diferença estatisticamente significante na mortalidade entre homens e mulheres. Foi observado que entre os pacientes que evoluíram para óbito a media da superfície corpórea era menor que a dos pacientes que evoluíram sem essa complicação. Conclusão: Não houve diferença de mortalidade entre os sexos após revascularização miocárdica neste serviço.
Abstract: Objective: To compare the mortality of men and women undergoing coronary artery bypass surgery (CABG) alone and identifying factors related differences occasionally found. Methods: Retrospective cohort study conducted with 215 patients who underwent coronary bypass surgery consecutively from January 2007 to December 2008. Results: Women had a higher average age. Low body surface and dyslipidemia was more prevalent in women (1.65 vs. 1.85, p <0.001: 53% vs 30%, p = 0.001), whereas smoking history and previous myocardial infarction were more prevalent among men (35 % vs 14.7% p = 0.001, 20% vs 2.7%, p = 0.007). Regarding the complications in the postoperative period, there was a higher rate of transfusions in women. The overall mortality rate was 5.6%, however there was no statistically significant difference in mortality between men and women. It was observed that among patients who died the mean body surface was lower than that of patients who progressed without this complication. Conclusion: There was no difference in mortality between the sexes after CABG in our department.
Palavras-chave: Revascularização miocárdica
Cirurgia torácica
Ponte de artéria coronária
Myocardial Revascularization
Thoracic surgery
Coronary artery bypass
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::MEDICINA::CIRURGIA::CIRURGIA CARDIOVASCULAR
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Federal do Maranhão
Sigla da instituição: UFMA
Departamento: saúde da mulher e saúde materno-infantil
Programa: PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM SAÚDE MATERNO-INFANTIL
Citação: COUTINHO, Léa Barroso. DIFFERENCE OF THE MORTALITY BETWEEN THE SEXES AFTER CABG SURGERY. 2012. 26 f. Dissertação (Mestrado em saúde da mulher e saúde materno-infantil) - Universidade Federal do Maranhão, São Luís, 2012.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tedebc.ufma.br:8080/jspui/handle/tede/1173
Data de defesa: 20-Apr-2012
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO DE MESTRADO - PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM SAÚDE MATERNO-INFANTIL

Files in This Item:
File SizeFormat 
dissertacao Lea.pdf67,64 kBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.